Huawei P60: vai voltar o tempo das grandes bombas da Huawei!

A Qualcomm vai anunciar um novo chipset mais para o final do ano. Falo em concreto do Snapdragon 898. Entretanto as primeiras informações já estão a aparecer na Internet e sobretudo um leak que está a ganhar muita força que liga este processador ao próximo topo-de-gama da Huawei. Falo em concreto do Huawei P60 que pode surgir como o smartphone de ouro da Huawei. Atribuo este título uma vez que pode recuperar muito daquilo que a gigante chinesa perdeu nos últimos anos. Acesso aos chips e também ao sistema operativo da Google.

Huawei P60: vai voltar o tempo das grandes bombas da Huawei!

Mas comecemos pelo processador. A nova aposta da Qualcomm vai ser desenvolvida com um processo de fabrico de 4nm. Entretanto vai contar com uma placa gráfica que sofreu muitas atualizações e até já há resultados no Geekbench. Ao mesmo tempo também serviram para revelar especificações.

Assim, temos um super núcleo Cortex-X2 que opera a 2.42 GHz. Temos outros três igualmente poderosos Cortex-A710 que funcionam a 2.17GHz e quatro Cortex-A510, mais poupadinhos e como tal mais eficientes em termos energéticos.

Ao mesmo tempo ficou confirmado que a placa gráfica é uma Adreno 720. Um grande passo face a Adren 660 do Snapdragon 888.

Neste momento os resultados ainda são inferiores aos do Snapdragon 888, mas porque o chipset ainda está muito limitado pelo restante hardware. Escusado será dizer que os valores serão bastante superiores na altura do lançamento.

Para além disso, o chipset está a ser testado num dispositivo da Vivo.

Huawei P60

No entanto, um leak que está a ganhar muita força revela que este será o processador a dar vida ao próximo topo de gama da Huawei. 

Esta informação chega de um leakster que raramente se engana, o Digital Chat Station. Assim ele referiu que este processador estará disponível nos topos-de-gama de 2022 da Huawei.

Mas este não é o único rumor a circular. É que se fala também de um regresso do Android com todos os serviços. Mas em que pé isto deixaria ao Harmony OS? Fácil de resolver! O Harmony OS ficaria centrado na China e o Android no resto das localizações.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados