à Huawei -

A Huawei já começa a navegar em águas mais calmas. De facto está a recuperar muito bem. Para além disso, esta guerra dos Estados Unidos com a China, ajudou esta empresa a perguntar quem está do lado dela e quem não está. Foi de facto, das melhores aprendizagens em termos de experiência que a Huawei podia ter tido. Agora este fabricante está realmente preparado para tudo. Lembramos que o afastamento da Huawei por parte de Trump ainda não acabou, mas foi suavizado. Apesar de tudo isto saiu-se muito bem na primeira metade do ano. De facto, até foram abertos novos caminhos. Hongmeng OS e não só, são algumas das novidades na manga.

Huawei confirma Hongmeng OS e sobe lucros em 2019

O Presidente da Huawei, Liang Hua, afirmou numa conferência de imprensa que a Huawei aumentou os lucros na primeira metade do ano. Para além disso, confirmou também o nome do sistema operativo Hongmeng OS nesta mesma conferência. Ou seja, apesar do aumento de lucros ser uma das notícias mais importantes, a do sistema operativo também é. No fundo é a configuração oficial.

Hongmeng OS e

Este aumento de receita por parte da Huawei no primeiro semestre não é propriamente uma surpresa. É que o afastamento da Huawei por parte dos Estados Unidos só começou em Maio. Ainda assim, tem de ter dito valores muito fortes nos quatro meses iniciais para aguentar o semestre inteiro. Lembramos que a Huawei já tinha vendido 100 milhões de smartphones antes da guerra com Trump.

Dito isto, os efeitos reais do problema com o governo americano só deverão ser sentidos na segunda metade do ano.

Lembramos que as previsões iniciais apontavam para perdas de 30 mil milhões, o que é significativo. Não fosse isto e já iria começar a faltar muito pouco para a Huawei começar a apontar ao primeiro lugar.

No momento, os Estados Unidos já permitem que as empresas americanas vendam a sua tecnologia e produtos à Huawei. Isto desde que não hajam riscos para a economia nacional. No entanto, o presidente da Huawei não está satisfeito com isto.

Na conferência de imprensa que teve lugar hoje ele afirmou que a inclusão da Huawei numa lista de empresas perigosas não foi justificado nem tão pouco justo. Ele espera que a Huawei seja removida inteiramente desta lista.

Ao nível do sistema operativo, ele afirma que o Hongmeng OS foi desenvolvido para produtos iOT e que o Android é o preferido para smartphones. Segundo as suas palavras ainda não decidiram se vão alargar este SO aos telemóveis. No entanto isto pode mudar caso a Huawei deixe de poder utilizar Android.