Inicio Android Google vai encerrar a app Play Música por isso transfira tudo!

Google vai encerrar a app Play Música por isso transfira tudo!

A Google vai encerrar em Dezembro o Play Música, ou se preferir, o Play Music depois de ter sido completamente varrido do mercado pelo YouTube Music. A propósito disto, o gigante dos motores de busca apostou em quatro meses para desligar a sua plataforma. O serviço de streaming estava destinado a ser interrompido mais cedo ou mais tarde em favor do YouTube Music.

E se quiser continua a usar o Google Play Música?

Não convém. É que para já vai perder gradualmente o acesso às funcionalidades, começando com o fim do suporte para compras e pré-encomendas ainda este mês. Depois disto, o streaming de música será desactivado em Setembro e Outubro.

No entanto os utilizadores terão até dezembro para transferir os seus conteúdos (compras, playlists, uploads) e mudar para o YouTube Music.

O substituto da Google para o Play Music já estava disponível há algum tempo. Porém não se sabia quando a empresa iria oficialmente reformar o seu serviço de streaming de música. Num post recente, tudo isto foi revelado. Para alem disso, a Google também informou também os utilizadores acerca das etapas necessárias para a transição para o YouTube Music.

Entretanto no final deste mês, a Google vai encerrar o suporte para o upload e download de música no Play Music através da aplicação Music Manager e também vai desativar as compras e encomendas. O streaming será também desactivado para utilizadores na Nova Zelândia e na África do Sul em Setembro, seguido por uma paralisação global em Outubro.

Play Música

Os utilizadores ansiosos pelo YouTube Music podem usar a ferramenta de transferência lançada recentemente pela Google para migrar os seus dados do Play Music ou usar o Google Takeout para exportar conteúdo relevante. Embora a app e o site do Play Música sejam colocados off-line em outubro, a empresa afirma que as playlists, uploads, compras, likes e outros dados dos utilizadores serão preservados até dezembro para transferência para o YouTube Music, após o qual não estarão mais disponíveis.

Por outro lado, os utilizadores que decidirem não migrar os seu conteúdos para o YouTube Music terão as suas assinaturas canceladas. A Google também diz que vai notificar esses utilizadores com antecedência e também informa-os antes que eles percam o acesso aos conteúdos do Play Music.

Embora essas transições nem sempre sejam confortáveis, as intenções da Google com o Play Música já eram bastante claras há algum tempo. No ano passado, a empresa começou a incentivar os fabricantes de telefones Android a pré-instalar o YouTube Music em todos os novos dispositivos Android 10 e agora espera competir contra empresas como Apple Music e Spotify com uma oferta única e focada.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco nos comentários em baixo . Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Diogo Isidorohttps://www.leak.pt/author/diogo/
O típico miúdo que saia da escola e jogava Counter Strike até os olhos não aguentarem mais. Agora com mais uns aninhos e com uma paixão enorme por hardware informático, jogos em geral e automóveis.

Leia também

COVID-19: é perigoso receber encomendas vindas da China?

Passado tantos meses depois do início da pandemia, o mundo continua a estar alerta com as devastadoras e fatais consequências do famoso coronavírus! Afinal...

Google Fotos acaba de receber uma grande novidade no Android!

O Google Fotos é uma aplicação imprescindível em qualquer smartphone. É que graças a ela nunca perdemos qualquer fotografia ou vídeo. Fica tudo armazenado...

Samsung Galaxy A42 5G: renderizações estão na Internet!

A Samsung está a apostar forte nos smartphones 5G. Especialmente no campo da gama média. O primeiro passo foi dado com o Galaxy A51...

NVIDIA resolveu o problema das RTX 30! (Mas baixou as frequências)

Como deve saber, o (reduzido) stock de placas RTX 3080 está a dar problemas a quem fez tudo por tudo para conseguir meter as...

(Especial) A LG ‘estranha’ está de volta! E ainda bem!

Quando estamos inseridos numa indústria como a tecnológica, nomeadamente a de smartphones, começa a ser um pouco aborrecido ver aparelhos que são no fundo...