Google Assistant: agora já pode deixar as escutas à porta!

A Google teve de lidar com alguns comentários negativos no início deste ano, quando foi revelado que havia pessoas que trabalham para a Google a ouvirem gravações de áudio feitas por utilizadores do Google Assistant. A prática, realizada para melhorar o serviço, também capturou as conversas pessoais dos utilizadores.

Google Assistant: agora já pode deixar as escutas à porta!

Agora, o gigante dos motores de busca publicou um artigo no seu blog detalhando as melhorias de privacidade em relação ao assistente virtual. A empresa reiterou que não retém as gravações de áudio por defeito, referindo que dá a possibilidade dos utilizadores optarem ou não pela iniciativa de atividade de voz e áudio (VAA) ao configurar o Assistente pela primeira vez. No entanto quer facilitar ainda mais as coisas.

Assistant:

“Se por algum motivo concordou em participar neste programa, terá a opção de reavaliar a sua configuração do VAA e confirmar as suas preferências”, refere a Google. “Não incluiremos o seu áudio no processo de revisão humana, a menos que tenha confirmado novamente a configuração do VAA”.

No entanto esta não é a única medida. A Google afirma que o Assistant já exclui automaticamente todas as gravações em caso de ativação não intencional. Mas acrescentou que está a trabalhar em “medidas adicionais” para identificar melhor as ativações acidentais e excluí-las de serem reavaliadas por seres humanos. De facto, a Google diz que está a trabalhar na capacidade de ajustar a sensibilidade do Assistente às palavras de alerta.

“Também estamos a atualizar a nossa política para reduzir bastante a quantidade de dados de áudio que armazenamos”. “Para aqueles que optaram pelo VAA, em breve excluiremos automaticamente a grande maioria dos dados de áudio associados à conta dos utilizadores com mais de alguns meses. Esta nova política chegará à VAA ainda este ano. ”

Por fim, a Google diz que está a adicionar melhores proteções de segurança ao processo de revisão humana, incluindo mais filtros de privacidade.

É sem dúvida um bom esforço para garantir a segurança dos utilizadores.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

1 COMENTÁRIO

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Vai poder ter os jogos mais vendidos da Ubisoft a preços brutais!

Quando se fala em jogos com desconto, rapidamente tentamos procurar pelos melhores a nível de conteúdo, mas também pelos mais baratos. De forma a...

Loja Portuguesa fez ‘leak’ aos preços da nova AMD Radeon RX 6600

Portugal também tem alguma expressão no mundo dos 'leaks'! Afinal de contas, já conhecemos os preços das novas placas gráficas de gama média-baixa da...

WhatsApp vai começar a devolver dinheiro aos utilizadores!

Já passou algum tempo desde que o WhatsApp passou a disponibilizar o serviço de pagamentos, apesar de ainda não estar cá. De facto, o...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!