Google acabou de ser acusada de sabotar o Firefox!

Em boa verdade, as fabricantes de software, não têm qualquer vergonha de utilizar táticas ‘sujas’ para ficarem à frente das suas rivais diretas… É no fundo, um mercado em que vale tudo, e até os utilizadores sabem disto mesmo.

Pois bem, desta vez foi um executivo da Mozilla, que veio a público afirmar que a Google anda há anos a ‘sabotar’ o navegador Firefox, para aumentar a popularidade do Chrome!

Estas palavras chegam pela parte de Jonathan Nightingale, antigo GM e Vice President do grupo Firefox na Mozilla. Que usou a sua conta oficial no Twitter, para revelar tudo o que sabia!

Começando por dizer que a Google era o maior parceiro da Mozilla, durante os seus 8 anos na empresa. No entanto, a primeira sempre utilizou táticas de cariz duvidoso, para garantir que o Chrome se mantinha à frente do rival.

Curiosamente, o antigo executivo da Mozilla, afirma que enquanto os trabalhadores da Google acreditavam que ambas as empresas estavam no mesmo lado… A Google propriamente dita, tinha a sua própria estratégia delineada.

Internet Explorer, o Firefox
IE vs Firefox vs Chrome

“Do nada, anúncios do Google Chrome começaram a aparecer ao lado de termos de pesquisa do Firefox. Similarmente, o GMail e o Google Docs, começaram a ter vários bugs e problemas de performance no Firefox. Além disso, vários sites Demo, começaram a avisar que o Firefox era ‘incompatível’.”

“Claro que no fundo, tudo isto é permitido, para competir. Mas se somos um parceira, com um acordo de pesquisa, ‘Como é que isto pode ser?’. E de todas as vezes que nos queixávamos, a resposta era a mesma. “Oops. Isso foi acidental. Vamos corrigir no próximo update dentro de 2 semana.”

Escusado será dizer, que estes ‘acidentes’ aconteceram centenas de vezes… Até que chegou a um ponto, em que a Mozilla começou a acreditar, que não eram simples ‘Acidentes’.

Afinal de contas, cada vez que isto acontecia, utilizadores trocavam o navegador da Mozilla, pelo Google Chrome

Em suma, esta não é a primeira vez que vemos este tipo de acusações. Afinal, no ano passado, a Mozilla voltou-se a queixar, que a Google tinha diminuído propositadamente a performance do YouTube no Firefox e Edge.

Isto depois da Google ter trocado o sistema, para um que a gigante da pesquisa sabia que o Firefox não utilizava.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário