Facebook e Instagram reduzem a qualidade dos vídeos


Por em

Pessoalmente sou adepto do teletrabalho. De facto, acho que muitas profissões poderiam beneficiar muito desta forma de trabalhar. Para além disso, pelo menos no meu caso, ficava sempre com a sensação que fazia mais em casa do que propriamente no meu local de trabalho. Tudo, porque aproveitava o tempo que perdia nas deslocações de um lado para o outro. No entanto, agora estamos a viver uma realidade diferente. Tudo porque o teletrabalho está a ser forçado. Afinal de contas, ficarmos em casa é uma excelente forma de nos protegermos e impedirmos que o vírus se espalhe. Ora isto está a levar a diversas alterações. Afinal de contas, é necessário continuar a garantir-se a qualidade de serviço. A Internet começar a falhar numa altura destes seria um desastre. Mas o que tem isto a ver com o Facebook e Instagram?

Facebook e Instagram reduzem a qualidade dos vídeos

Facebook e Instagram!
Uma fonte oficial do Facebook disse ao site Engadget que “para ajudar a aliviar qualquer congestionamento de rede em potencial, vão reduzir temporariamente a qualidade dos vídeos no Facebook e Instagram na Europa. Estamos comprometidos em trabalhar com os nossos parceiros para gerir quaisquer restrições de largura de banda durante esse período de grande procura, para além de garantir que as pessoas possam continuar ligadas aos serviços do Facebook durante a pandemia do COVID-19.
Claro que isto não é a melhor notícia do mundo para os fãs das redes sociais. Ainda assim, é necessário manter a Internet a funcionar. Muitos investigadores na Europa estão a trabalhar muito para encontrarem uma possível cura ou desenvolverem uma vacina para o vírus. A partilha dos resultados entre colegas e a colaboração via Internet pode ajudar a humanidade a lidar mais rapidamente com a situação atual.
Leia também

Ou veja mais notícias de Android, Apple, Featured

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.