(Especial) É boa ideia comprar aparelhos recondicionados?

O que sente quando ouve falar de aparelhos eletrónicos recondicionados? Acha que é uma boa oportunidade para poupar alguns trocos e meter as mãos num smartphone, tablet ou smartwatch topo de gama a um preço mais baixo?

Prefere este tipo de negócio à compra nos clássicos OLX, CustoJusto e Facebook Marketplace? Afinal de contas, se comprar um aparelho recondicionado de uma loja de confiança, é provável que a coisa venha minimamente apresentável e funcional para a sua mão. Enquanto nestas plataformas de revenda, isto nem sempre é verdade.

Vamos falar um pouco sobre este assunto.



(Especial) É boa ideia comprar aparelhos recondicionados?

aparelhos recondicionados

Portanto, hoje em dia, é muito fácil encontrar várias lojas de renome a comercializar aparelhos ‘recondicionados’ ou ‘refurbished‘ em bom inglês. Aliás, temos várias lojas focadas apenas e só na compra e venda destes aparelhos. Mas o que significa isto?

Muito resumidamente, estamos a falar de aparelhos que foram ‘devolvidos’ à loja por consumidores normais como eu ou você, por várias razões diferentes. Pode ter sido um smartphone que apresentou um defeito na câmera, uma coluna que apresentou ruídos estranhos, ou um smartwatch que afinal não era assim tão smart como a folha de especificações parecia argumentar.

Outros aparelhos podem ter sido alvo de alguns danos, não necessariamente por consumidores, visto que por vezes há pacotes que chegam às lojas mais amolgados que eu depois de uma aula de HIT no ginásio aqui da terrinha. Além de tudo isto, também temos modelos ‘demo’. Que pode encontrar em exposição nas mais variadas lojas, que posteriormente são arranjados e vendidos com um desconto apelativo.

Em suma, quando compra um aparelho recondicionado, não faz puto de ideia do que aconteceu ao aparelho. Mas isto não significa que o aparelho seja de baixa qualidade, especialmente se comprar numa loja de renome focada neste tipo de produto ‘refurbished’.

Aliás, até poderá acabar com um aparelho mais cuidado e inspecionado, do que se comprasse novo. Visto que nem sempre as linhas de produção têm o cuidado devido em épocas de lançamento. (Como podemos ver agora com as consolas de nova geração).

Assim, volto a dizer, no caso de uma loja especializada em recondicionados, cada aparelho tem de ser inspecionado por um especialista! Por isso, se tiver salvação, vai ser reparado ao máximo ao ponto de parecer um aparelho novo ou seminovo.

Nem todos os aparelhos são reparados e vendidos!

Afinal, caso não saiba, reparar um ecrã de um iPhone 11 Pro custa qualquer coisa como 300€.

Por isso, estas lojas apenas pegam em produtos que realmente vão dar lucro! Ou seja, que não tenham sido extremamente mal tratados. Como se isto não fosse suficiente, é também normal ter algum tipo de garantia de 1 ou 2 anos neste tipo de produtos, o que obviamente dá uma outra segurança ao consumidor.

Muito resumidamente, sim, pode valer a pena comprar um aparelho recondicionado, especialmente se o fizer numa loja reputada.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também