Inicio outros ESET é o novo parceiro da iniciativa internacional "No More Ransom"

ESET é o novo parceiro da iniciativa internacional “No More Ransom”

A ESET foi anunciada como o mais recente parceiro da “No More Ransom”. Esta iniciativa visa ajudar as vítimas de ataques de ransomware a recuperar os seus dados pessoais, e, até ao momento, conseguiu desencriptar computadores infetados de cerca de 72.000 vítimas, em todo o mundo.

Com os seus 130 parceiros, o portal online “No More Ransom” hospeda um conjunto de 59 ferramentas de desencriptação gratuitas de vários fornecedores de software de segurança, abrangendo 91 famílias de ransomware. Utilizadores de todo o mundo podem aceder às ferramentas gratuitamente de modo a que consigam recuperar os seus dados mantidos como reféns por ataques de ransomware. Disponibilizadas desde 2016, as ferramentas de desencriptação “No More Ransom” conseguiram até agora evitar a extorsão de cerca de 22 milhões dólares por parte de cibercriminosos.

Faz muito tempo que a ESET ajuda as vítimas de ransomware a recuperar dados encriptados, já que as suas ferramentas de desencriptação já foram descarregadas mais de 250.000 vezes. A partir de agora, duas dessas ferramentas também estarão disponíveis para um público maior através da plataforma gratuita, centralizada e fácil de usar do “No More Ransom”.

O ransomware cresceu e tornou-se numa das maiores ameaças virtuais enfrentadas por empresas e consumidores, e a ascensão do GandCrab e SamSam em 2018 mostrou como a ameaça continua em crescente e a adaptar-se. Um relatório revelou recentemente que 40% de todos os ataques bem-sucedidos baseados em malware envolvem ransomware.

O projeto “No More Ransom” reconhece que a luta contra o ransomware exige um esforço conjunto, e o envolvimento da ESET representa seu compromisso contínuo de parceria com a polícia para combater o cibercrime e permitir que todos desfrutem de tecnologias mais seguras.

A ESET já colaborou com as agências de segurança pública em grandes remoções de infraestrutura maliciosa, incluindo a interrupção da família de malware Gamarue. Essa colaboração global entre os setores público e privado envolveu a Microsoft, o FBI, a Interpol e a Europol. A ESET também trabalhou com várias organizações internacionais para descobrir a Operação Windigo, uma operação cibercriminosa que envolveu o controle de dezenas de milhares de servidores Unix. E, mais recentemente, fez uma parceria com órgãos de segurança pública e com o Google a propósito da 3ve, uma importante operação de fraude de anúncios on-line.

A parceria mais recente da ESET continuará com seu compromisso de colaborar com os parceiros da lei e da indústria para criar um mundo digital mais seguro. Visite o site de “No More Ransom” para obter mais informações sobre o projeto e saiba mais sobre a ESET em https://www.eset.com/. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

COVID-19: é perigoso receber encomendas vindas da China?

Passado tantos meses depois do início da pandemia, o mundo continua a estar alerta com as devastadoras e fatais consequências do famoso coronavírus! Afinal...

Google Fotos acaba de receber uma grande novidade no Android!

O Google Fotos é uma aplicação imprescindível em qualquer smartphone. É que graças a ela nunca perdemos qualquer fotografia ou vídeo. Fica tudo armazenado...

Samsung Galaxy A42 5G: renderizações estão na Internet!

A Samsung está a apostar forte nos smartphones 5G. Especialmente no campo da gama média. O primeiro passo foi dado com o Galaxy A51...

NVIDIA resolveu o problema das RTX 30! (Mas baixou as frequências)

Como deve saber, o (reduzido) stock de placas RTX 3080 está a dar problemas a quem fez tudo por tudo para conseguir meter as...

(Especial) A LG ‘estranha’ está de volta! E ainda bem!

Quando estamos inseridos numa indústria como a tecnológica, nomeadamente a de smartphones, começa a ser um pouco aborrecido ver aparelhos que são no fundo...