Atenção! O seu bolso não protege o smartphone de roubo!

Atualmente utilizamos os nossos smartphones para quase tudo , desde pagar contas até enviar e-mails. São dispositivos que “viajam” todos os dias conosco e contêm informação altamente sensível sobre as nossas vidas. De facto, aquelas que até aqui costumavam estar apenas no nosso computador em casa. É por este motivo que se caírem nas mãos erradas, isso pode levar a consequências desastrosas. O pior de tudo é que transportarmos o smartphone no bolso não o protege contra roubo. Ainda assim há algumas coisas que podemos fazer.

Atenção! O seu bolso não protege o smartphone de roubo!

Como é que podem deitar a mão ao meu smartphone?

Aqui não se trata tanto de deitar a mão ao smartphone mas sim ao que está lá dentro. É que os criminosos não precisam de ter o telemóvel nas mãos para roubar as nossas informações pessoais. De facto, tudo isto pode ser feito remotamente. Palavras-passe, dados pessoais, detalhes da conta bancária, mensagens de texto, fotos e quase tudo pode chegar às mãos de utilizadores mal intencionados se não tivermos cuidado.

Android 14 smartphones, bolso smartphone roubo

Mas como pode um smartphone ser invadido remotamente? Os criminosos desenvolvem formas únicas de aceder aos smartphones das pessoas. Normalmente, procuram algumas vulnerabilidades no sistema operativo ou levam as pessoas a instalarem o que não devem.

Ou seja, os criminosos podem controlar o smartphone mesmo que não lhe deitem a mão? A resposta é sim. Além dos métodos gerais há outras formas mais complexas.

- Advertisement -

Por exemplo, através de redes Wi-Fi públicas, trocas de sim ou emails e SMSs de Phishing.

Como sabemos que o nosso smartphone está a ser espiado

É necessário que as pessoas estejam muito atentas a estes sinais. Isto pode fazer a diferença entre um roubo de dados e de dinheiro enorme e uma enorme paz de espírito. É a isto que tem de estar atento.

Publicidade a aparecer constantemente, seja qual for a aplicação que está a usar

De facto, este é um enorme sinal de alerta. É uma bom exemplo que mesmo no bolso o smartphone está sujeito a roubo. A publicidade surge e ocupa normalmente o ecrã inteiro ou a parte inferior em qualquer app. Quer esteja no Facebook, no Instagram, na app do banco ou a navegar na Internet.

Android smartphone perigo, bolso smartphone roubo

Instala uma aplicação e o ícone desaparece imediatamente

Estas aplicações têm algo diferente das outras e por isso muitas pessoas pensam que nem sequer as instalaram. É que quando estão a ser instaladas, surge um aviso a dizer que ocorreu um problema na instalação. Depois o ícone desaparece. Assim a pessoa pensa que ela não está no smartphone, mas na realidade está. Algumas destas ameaças não  roubam dados do utilizador. No entanto, dão cabo da utilização do smartphone. Somos bombardeados com publicidade que depois nos redireciona para portais suspeitos e esses sim, até podem tentar apoderar-se dos nossos dados.

A bateria está a gastar-se muito depressa!

Este é um dos grandes sinais de que algo não está bem. Se até aqui tudo funcionava sem problemas e a bateria durava muito e de repente deixou de funcionar é sinal que alguma coisa mudou. Aplicações a correrem de forma secreta no smartphone ocupam recursos. Como tal, estes recursos fazem com que a bateria se gaste mais depressa. Em alguns casos muito mais depressa.

android, Android smartphone perigo, bolso smartphone roubo

Encontra apps que não reconhece no smartphone

Com tantas apps que se vai instalando é normal que surja algo no smartphone que não reconhecemos de tempos a tempos. Mas uma coisa é uma aplicação aqui e ali. Outra questão é quando estão sempre a surgir novas apps e sobretudo estranhas. Se costuma ver apps desconhecidas no seu smartphone, não seja meigo e apague já.

Tem ficheiros bloqueados

O ransomware bloqueia ficheiros nos smartphones Android. No caso de estar infetado é provável que possa tentar aceder a algo e não consiga. No entanto, mais tarde ou mais cedo vai saber. Isto porque será pedido um resgate.

Entretanto outros sinais são um aumento considerável no volume de dados.

Como me posso ver livre deste perigo

A primeira coisa que deve fazer é limpar aplicações estranhas.

Se o quiser fazer manualmente, ou seja, sem recorrer a nenhuma app então a primeira coisa que tem de fazer é iniciar o smartphone em modo de segurança. Essencialmente, o modo de segurança inicia o sistema sem qualquer tralha adicional. É mais ou menos como acontece no Windows. Isto significa que quaisquer aplicações de terceiros que tenha descarregado não serão executadas neste modo. Ou seja, não haverá qualquer interferência no processo de carga nem noutros.

Samsung abandonar Android, s20, fe, um Galaxy S20 FE
S20 FE

Para entrar no modo de segurança na maioria dos novos dispositivos Android desligue o smartphone. Depois ligue-o e fique sempre a pressionar o botão de ligar/desligar.

Assim que tiver entrado no Modo De Segurança, vá a Definições > Aplicações. Em alguns equipamentos pode mudar.

Aqui, veja a lista das suas apps e tente localizar a aplicação maliciosa. Pode não se destacar, mas pense quando é que o problema no seu smartphone começou. Remova quaisquer aplicações que tenha instalado por essa altura e verifique se uma aplicação que não descarregou mas que está na lista.

Para desinstalar uma aplicação, toque no seu nome e escolha Desinstalar na página de informações para a remover. Depois reinicie o smartphone normalmente (sem entrar no modo de segurança) e o vírus deve desaparecer.

Entretanto faça também uma coisa. É boa ideia limpar o histórico do seu browser. Quer seja o Chrome ou outro qualquer. Fazê-lo é bastante simples.

Android remover vírus

No caso do Chrome abra o browser. Depois utilize os botão com três pontos do lado direito e escolha a opção Histórico. A seguir clique em Limpar dados de navegação. Entretanto em intervalo de tempo escolha sempre e depois carregue em Limpar dados.

Android remover vírus

Instale uma app de segurança

Um dos nomes mais confiáveis neste campo é O Malware bytes que para além de proteger os computadores também tem uma solução para Android.

Android remover vírus

A versão gratuita verifica o seu telemóvel por malware e remove quaisquer ameaças que encontre. Entretanto também tem uma funcionalidade de auditoria para permissões de aplicações, para que possa acompanhar a que cada uma tem acesso. E também não tem anúncios.

A versão Premium adiciona deteção em tempo real e outras funcionalidades que a maioria das pessoas não precisa. Esta é sem dúvida a melhor aposta.

Se ainda assim continuar com problemas no smartphone talvez seja boa ideia fazer um restauro de fábrica. É verdade que vai ter o trabalho de voltar a configurar tudo. No entanto, livra-se do perigo de alguém poder estar a controlar o seu smartphone.

Assim apesar de transportarmos o smartphone no bolso não nos salvar do roubo há algumas coisas que podemos fazer.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.