Xiaomi vai abrir mais 100 lojas na Europa. Portugal à espera!

A Xiaomi vai expandir fortemente a sua presença na Europa com Portugal a estar incluído na lista. Depois de todas as tensões entre os Estados Unidos e a China, esta parece ser uma excelente decisão. É que o mercado Europeu é grande e existe poder de compra. Assim, é uma boa alternativa à expansão na Terra do Tio Sam, pelo menos, para já. São muitas lojas novas que irão abrir!

Isto acaba por não ser um novidade. O mercado Europeu já está carregado de produtos chineses. Entretanto, a Huawei também já tinha reforçado a aposta no velho continente. A Xiaomi só seguiu os mesmos passos.

O vice-presidente da Xiaomi fez mesmo uma previsão e disse que o objetivo passa por triplicar a presença na Europa. Já estou a imaginar as lojas Xiaomi nos grandes distritos do país, ou pelo menos, em Lisboa, Porto e Faro. Seria, sem dúvida, muito positivo.

A Europa chega depois deste fabricante ter conquistado mercado na Índia, Indonésia e noutros países com diversas lojas.

Na realidade, até já existiam diversas lojas europeias. Não havia era ainda nada em alguns países como, por exemplo, em Portugal.

Olhando para o panorama atual, a Xiaomi conta neste momento com cerca de 50 lojas na Europa. O objetivo é que a curto prazo sejam 150. Como deve imaginar, isto vai aumentar significativamente a popularidade nos países europeus.

Os dispositivos que vão chegar à Europa serão de todos os segmentos.

A Xiaomi é bem reconhecida pela relação qualidade/preço. No entanto, não será de estranhar que exista uma grande aposta nos equipamentos topo-de-gama como o Xiaomi Mi 9. De facto é mais ou menos a estratégia que foi seguida pela Huawei. Primeiro apostou nos dispositivos de gama baixa/média e de acordos com os operadores para se expandir. Quando a marca se foi tornando cada vez mais popular começou a apostar sobretudo nos equipamentos de topo.

Neste momento ainda não se sabe a data exata da entrada em Portugal, nem em outros países da Europa.