WhatsApp: há casos em que vai ter de começar a pagar!

O WhatsApp é uma das aplicações de mensagens mais populares a nível mundial. Milhões de pessoas em todo o mundo dependem dela para contactar com quem está mais próximo ou mais longe. Entre as muitas funcionalidades tem outro aspeto interessante é totalmente grátis. Algo que também acontece com o Telegram e outras aplicações. No entanto as coisas podem mudar em breve e no caso do WhatsApp há uma função que pode ter de se começar a pagar. Escusado será dizer que isto poderá ter um impacto muito negativo na utilização desta plataforma.

WhatsApp: há casos em que vai ter de começar a pagar!

Em princípio esta regra não será aplicada a todos. No entanto, as pessoas que utilizam, para já, a versão business parece que não vão escapar a isto. A Meta já tem uma versão dedicada a esta área, que inclui mais funcionalidades e ferramentas relevantes para as empresas. No entanto, ainda não cobra aos utilizadores por estes serviços. Ainda assim, isto poderá estar a mudar numa futura atualização. De acordo com novas informações, o WhatsApp Business pode estar a preparar um serviço de subscrição para quem pretenda ligar mais de quatro dispositivos a uma única conta. Esta função descoberta pelo site WABetaInfo ainda está em desenvolvimento, mas já se sabe algumas coisas.

- Publicidade -

Poe exemplo, neste momento quem ligar mais de quatro dispositivos ao WhatsApp poderá ter de começar a pagar. Isto tratando-se de uma única conta. Aliás é a propósito disto que esta empresa já está a trabalhar num novo ecrã de dispositivos ligados. No entanto, as informações ainda são vagas.

O site WABetaInfo apenas revela pistas sobre o potencial serviço de subscrição. Não partilha informações sobre o preço, disponibilidade ou outras funcionalidades exclusivas que possa incluir.

Uma coisa é certa. Se isto resultar e sobretudo começar a ser lucrativo, então é muito provável que outras plataformas adotem o mesmo sistema e até o alarguem para os utilizadores habituais. Por exemplo, quem tiver mais do que dois equipamentos, começar a pagar uma fee. Se vai para a frente só o tempo o dirá.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.