Waze pode ser o fim do Google Maps na navegação

O Google Maps é uma aplicação que evoluiu muito para além do conceito tradicional de uma aplicação de navegação. Dito isto, para além de ajudar as pessoas a chegar ao destino, é agora uma aplicação muito mais avançada. Assim permite que os utilizadores vejam informações de negócios, descubram o quão lotada é uma loja entre muitas outras coisas. O Waze, por outro lado, está especificamente focado no navegação. E graças à grande comunidade que tem à sua volta tem uma precisão enorme no relato de todas as situações que vão acontecendo na estrada. Entretanto para 2023 há tantas novidades a caminho do Waze que pode ser o fim do Google Maps enquanto app de navegação, dado que esta será uma alternativa bem melhor.

Waze pode ser o fim do Google Maps na navegação

Alertas relativos a estradas com maior probabilidade de acidentes

Uma das características mais importantes que já estão nas versões beta do Waze, e que deverá ser lançada este ano, é o alerta sobre estradas com histórico de acidentes.

Waze Google Maps navegação

Por outras palavras, sempre que estiver a conduzir numa estrada onde os Wazers normalmente relatam acidentes, deve surgir um novo aviso no ecrã.

Como referido, a funcionalidade já se encontra disponível na versão beta. Assim é apenas uma questão de tempo até ser lançado para todos. Dito isto, o Waze só precisa de polir ainda mais a experiência com estes avisos. É que neste momento, as estradas perigosas estão marcadas no mapa com o mesmo tom de vermelho usado para sinalizar muito trânsito.

- Advertisement -

Suporte para Android Auto Coolwalk

O redesign coolwalk está a chegar ao Android Auto. Escusado será dizer que o Waze é uma das aplicações que os utilizadores vão querer executar na nova interface.

Neste momento, no entanto, o Google Maps é a única app de navegação que suporta o Coolwalk. Assim sem uma atualização, o Waze não pode ser considerado um produto concorrente.

Felizmente, a equipa Waze já confirmou que o suporte da Coolwalk está a chegar à sua aplicação. Entretanto lembro que o Coolwalk ainda está na fase beta. Como tal não há pressa para os programadores do Waze fazerem isso acontecer.

Estatísticas pessoais

Se nunca usou o Waze, pode ser uma surpresa que a aplicação não forneça estatísticas pessoais. Isto porque o Google Maps já mostra essas informações no final de uma viagem.

Ao que parece, o Waze em breve receberá estatísticas de condução e pessoais. Isto quando chegar ao destino, embora, por enquanto, não seja claro como tudo vai funcionar.

O que sabemos, no entanto, é que a Waze quer oferecer uma experiência personalizada aos utilizadores, para que possam acabar por receber dados relacionados com o número de de alertas enviados durante a viagem, a distância que percorreram e a precisão das indicações fornecidas.

Mais controlos rodoviários de portagens

Isto é algo que todas as aplicações de navegação necessitam. Assim o Waze será brevemente atualizado com uma nova opção que permitirá aos utilizadores escolher se querem usar estradas com portagens ou não antes de iniciarem a navegação.

Por outras palavras, embora a maioria das aplicações de navegação já permita que os utilizadores ativem ou desativem rotas com portagens o Waze permitirá controlar estas definições numa base de viagem.

A nova opção deve aparecer logo após definir um novo destino no Waze, para que possa escolher uma nova rota baseada em se pretende usar ou não estradas com portagens.

Perfis de veículos

Mais uma vez, este é o tipo de funcionalidade que eventualmente deve chegar não só para o Waze, mas também para todas as outras aplicações de navegação.

Assim o Waze será em breve atualizado com perfis de veículos, algo que será muito útil para os utilizadores que possuem mais do que um carro.

Por exemplo, se conduzir um carro pessoal e de empresa, pode configurar diferentes perfis no Waze e escolher o que pretende ao lançar a app. No carro da empresa, por exemplo, pode tentar evitar as portagens e por isso escolher o perfil dedicado pode ajudá-lo a procurar rotas de uma forma mais simples.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.