Tesla sofre ataque informático! Moeda digital foi a principal razão

Aparentemente nenhuma empresa, ou pessoa, está a salvo das tentativas fraudulentas de se obter moeda digital. O caso mais recente ocorreu na conhecida empresa Tesla que foi infetada por um malware de mineração de moeda digital.

Um grupo de investigadores da empresa de segurança RedLock revelou ao mundo que um grupo de utilizadores conseguiu aceder a uma das contas da Tesla localizada na Cloud da Amazon e aí implementou um sistema de mineração de moeda digital. Os mesmos investigadores afirmaram que esta violação de segurança foi muito semelhante à que ocorreu na Gemalto, o maior fabricante de cartões SIM do mundo e multi-nacional de seguros Aviva.

Já em outubro do ano passado, a RedLock afirmou que as contas na cloud da Amazon e da Microsoft, pertencentes a estas empresas, tinham sido violadas e passado a executar software de mineração de moeda, depois de um grupo de criminosos ter deitado a mão a credenciais de acesso de contas que não estavam devidamente protegidas.

 

O ponto de entrada inicial para o ataque à Tesla, foi aparentemente uma consola de administração desprotegida para o Kubernetes, um pacote de código aberto utilizado pelas empresas para implementarem e gerirem um grande número de aplicações e funcionalidades baseadas na nuvem.

Um ataque inteligente

Os criminosos esconderam o malware por detrás de um endereço IP pertencente à empresa Cloudflare. Em paralelo configuraram o software de mineração de moeda digital para utilizar uma porta não standard de modo a chegar à Internet e se ligar a um endpoint que ainda não estava classificado como pertencente a esquemas de mineração.  Importa ainda salientar que os atacantes também reduziram provavelmente a quantidade de recursos de CPU utilizados para extrair a moeda digital. Todas estas medidas ajudaram a escapar à deteção.

Par além de permitir que os invasores executassem o malware da mineração, a RedLock afirmou que esta violação também expôs determinados dados da Tesla não públicos, incluindo informações de telemetria sensíveis relacionadas com os automóveis deste fabricante. Entretanto, a RedLock afirmou que relatou esta violação à Tesla, e que todos os sistemas foram rapidamente desinfectados.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

Afinal quais os sintomas de que o seu carro está mesmo a avariar?

A maioria das avarias são precedidas de sinais de aviso. É isso mesmo a que tem de dar atenção nesta altura de férias. É...

Burlões adoram o WhatsApp e Telegram para esquemas por isto!

Já deve ter reparado que os burlões adoram utilizar o WhatsApp e o Telegram para as suas artimanhas. Isto porque é mais fácil conduzir...

Calor: sabe que temperatura atinge o interior do seu automóvel?

As temperaturas vão aquecer transformando os interiores dos automóveis em verdadeiros fornos. Mesmo que o ar condicionado do seu veículo esteja em boas condições...

Atenção: o calor vai apertar e não pode deixar isto no seu carro!

Nos próximos dias o calor vai apertar e por isso mesmo tem de atenção às coisas que normalmente costuma deixar no carro. Estando um...

Bateria do carro morreu: é possível recarregar ou deve trocar?

As baterias dos automóveis necessitam de ser substituídas de poucos em poucos anos após o desgaste normal. No entanto, as baterias novas perdem por...

Cuidado se receber uma chamada das Clínicas CUF a contratar!

O desemprego aumentou face ao final do ano passado e como tal não é de estranhar que todas as oportunidades sejam bem-vindas. No entanto,...

Newsletter Leak

Receba todas as notícias e destaques diretamente no e-mail. É grátis!

Artigos relacionados