Inicio Android TCL quer revolucionar o mundo dos ecrãs ao não oferecer fonte de...

TCL quer revolucionar o mundo dos ecrãs ao não oferecer fonte de luz

Muito resumidamente, a TCL criou um ecrã ‘tipo papel’ que alegadamente oferece maior contraste que o famoso E-Ink que podemos ver nos eBooks e eReaders, isto ao mesmo tempo que oferece uma eficiência energética simplesmente brutal.

Algo muito interessante, quando temos em conta que já passaram quase 10 anos desde que tivemos algum tipo de avanço em ecrãs super eficientes a nível energético, sem os compromissos do E-Ink.

Em suma, a TCL criou uma nova variante do ecrã LCD que poderá mesmo tornar o sonho da eficiência energética uma autêntica realidade! Isto sem completamente reinventar o conceito.



A TCL quer revolucionar o mundo dos ecrãs!

next paper

Portanto, a TCL é uma fabricante mais conhecida pelas suas TVs, mas que nos últimos anos até tem impressionado no mundo dos smartphones! Nomeadamente com o TCL Plex e TCL 10 Pro que já tivemos a oportunidade de analisar.

Pois bem, na IFA 2021 que aconteceu num formato online durante os últimos dias, a TCL revelou que também vai apostar nos tablets, vai aumentar ainda mais a aposta nos smartphones, e claro, também se vai meter no mundo dos wearables com fones TWS e smartwatches. Contudo, o mais interessante no meio de toda a apresentação foi o novo tipo de ecrã que vai buscar muitas das vantagens energéticas dos painéis E-Ink que normalmente encontramos nos e-Readers.

A evolução tecnológica tem o nome de ‘Next Paper’, sendo uma nova brincadeira baseada na tecnologia LCD. Que curiosamente elimina a necessidade de uso de backlight para iluminar os pixeis. Como é que um painel LCD pode funcionar sem luz de fundo? Fácil, através de de uma camada refletiva que permite o uso de luz natural. O que claro está, elimina um dos grandes defeito dos ecrãs no mundo mobile, o seu consumo de energia… Mas também apresenta outros desafios.

Entretanto, o primeiro ecrã Next Paper chegará ao mercado com a resolução FHD, e 25% mais contraste que os atuais ecrãs E-Ink mais avançados. E claro, traz também um consumo de energia 65% mais baixo em relação aos normais ecrãs LCD.

A TCL promete que este ecrã irá ser capaz de oferecer excelentes capacidades para consumo multimédia. Mas claro, vai sempre precisar de iluminar o ecrã com luz natural ou luz ambiente.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também

(Especial) É possível construir um PC Gaming por 500€?

(Especial) É possível construir um PC Gaming por 500€? - Pois bem, num mundo em os entusiastas ficam loucos com uma simples placa gráfica...

(Especial) Montar PC agora? Será boa ideia? Sim e não!

Nunca foi tão fácil montar um PC poderoso sem ser preciso gastar muito dinheiro, como este nosso artigo prova "(Especial) É possível construir um...

Gmail como email padrão no iOS? Sim é possível!

Finalmente chegou a opção que tantos utilizadores iOS sempre quiseram e nunca obtiveram. Podes agora (finalmente) definir o Gmail como a aplicação de e-mail...

A Microsoft mantém preço nos novos comandos da Xbox

Pois é ao que parece a Microsoft vai mesmo manter o preço nos novos comandos da nova Xbox. A Microsoft vai começar a fazer pré-encomendas...

WhatsApp recebe imagens autodestrutivas! Veja como funciona

O WhatsApp tem estado a testar uma novidade de imagens autodestrutivas nos últimos meses. As primeiras provas surgiram pela primeira vez no início deste...