Samsung inicia produção em massa de memórias GDDR6

A Samsung iniciou a produção em massa dos chips de memória GDDR6. Estes chips destinam-se especialmente a placas gráficas, consolas, servidores e outras aplicações da próxima geração onde é necessária uma elevada largura de banda.

Esses chips são desenvolvidos por um processo de fabrico de 10nm e têm uma capacidade de 16 gigabits – uma grande melhoria em relação aos chips GDDR5 de 8 gigabit produzidos com tecnologia de 20 nm. Lembramos que os GDDR5 começaram a ser produzidos em massa há 3 anos.

As novas memórias das Samsung consomem menos 35% de energia pelo facto de operarem a 1.35V em vez de 1.55.

Importa salientar que um sistema com um barramento de memória de 384 bits pode atingir a largura de banda de 864 GB/s, superando a memória HBM2 utilizada em alguns processadores gráficos de alta qualidade. Já um barramento de 256 bits (mais barato e de menor potência) pode atingir os 576 GB/s. Isto coloca-o ligeiramente à frente de um sistema de 384 bits que utiliza os chips GDDR5 mais antigos.

Não se sabe ao certo quando os primeiros produtos baseados em GDDR6 vão chegar às lojas. No entanto a Samsung acredita que isto deverá acontecer em breve, sendo integrados em produtos de realidade virtual, inteligência artificial ou processamento de vídeo 8K.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário