Samsung Galaxy Note 9 incendiou-se na mala de uma mulher

É verdade que o Galaxy Note 7 da Samsung teve problemas mas passados alguns anos tudo está mais que sanado. Este fabricante já lançou quatro topos-de-gama depois dele e não houve relatos relacionados com explosões e incêndio, ou assim se pensava, até hoje. É que aparentemente um Galaxy Note 9 incendiou-se na mala de uma mulher.

Este problema aconteceu com um Galaxy Note 9 que estava dentro da carteira de uma nova-iorquina.

A vítima que dá pelo nome de Diane Chung, mora em Long Island e é uma agente imobiliária, relatou que o telefone estava muito quente quando ela o estava a utilizar no dia 3 de setembro num elevador.

Note 9 pega fogo

Percebendo isso decidiu colocá-lo na mala, sendo que quase logo a seguir começou a ouvir um som estridente e o fumo começou a sair.

Ela tentou esvaziar a bolsa no elevador e acabou por queimar a mão no processo.

O fumo do telefone encheu o elevador até que ela conseguiu abrir a porta. Ela disse que o telefone ainda estava a queimar até que um bom samaritano pegou nele e atirou-o para um balde de água.

A Sra. Chung colocou uma ação contra a Samsung e está a solicitar um valor não revelado em indenização e uma ordem de restrição que impede que o Galaxy Note 9 seja vendido.

No entanto, este parece ser um incidente isolado, uma vez que a Samsung afirma não ter recebido nenhuma outra queixa até agora.

Também iniciou uma investigação sobre o assunto, de acordo com um representante da empresa.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

1 COMENTÁRIO

Leia também