Redmi Note 10 vai apostar no ultra-rápido Dimensity 1000+

Quando a MediaTek anunciou o chipset Dimensity 1000+, muitos blogs referiram que a Xiaomi seria a primeira a apostar num smartphone com este processador. No entanto isto não aconteceu, uma vez que o chipset que começou a gerar mais buzz foi o Dimensity 820. Ainda assim, tudo poderá mudar muito em breve. As informações que circulam na Internet referem que este fabricante está a trabalhar num smartphone de última geração que será fornecido com o Snapdragon 865 ou o MediaTek Dimensity 1000+ SoC. É provável que este equipamento chegue com o nome Redmi H ou Redmi Note 10.

Redmi Note 10 vai apostar no ultra-rápido Dimensity 1000+

De acordo com o que sabemos até agora teremos uma alta taxa de atualização e suporte para 5G. No entanto, ainda não temos mais informações acerca de outros pormenores. Ainda assim olhando para o que referimos acima não deve ser baratinho.

Esta não é a primeira vez de que se fala de um smartphone Redmi com o chipset MediaTek Dimensity 1000+. De acordo com o leakster Digital Chat Station este dispositivo já está inclusivamente a ser produzido e deverá chegar ao mercado no terceiro trimestre de 2020. Ele até mencionou a presença de um painel com a taxa de atualização de 144Hz.

Redmi Note 10

No entanto há a possibilidade destes rumores não estarem 100% corretos ou pelo menos de não se referirem à marca certa. É que olhando para o impacto no preço que teria um painel de 144Hz, é mais provável que ele chegue num equipamento da Xiaomi, do que num da Redmi que são tradicionalmente mais baratos.

A juntar-se a estas novidades teremos também um Mi Mix 4 que deverá chegar no verão. Ele será lançado com um painel de 120Hz e um furo no ecrã com resolução de 2K.

Em tempos de pandemia, o mercado de smartphones parece estar a reagir bem. É verdade que ainda não sabemos como serão as vendas. No entanto, oferta, pelo menos, não vai faltar por parte dos diversos fabricantes.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário