Quanto custa uma conta atacada do YouTube? Não é barato!

Ninguém sabe ao certo o que se está a passar. No entanto, o que é verdade é que milhares de contas comprometidas de utilizadores do YouTube estão à venda em fóruns obscuros na Internet. De facto, são cada vez mais. Vários utilizadores mal intencionados estão a disponibilizar enormes listas com dados de login, por um preço. Mas quanto vale uma conta do YouTube?

Quanto custa uma conta atacada do YouTube? Não é barato!

Os criminosos já compreenderam há muito tempo as vantagens de invadir contas de canais do YouTube. Estes ataques permitem a obtenção de um novo público, com quem poderão experimentar vários esquemas fraudulentos ou campanhas publicitárias maliciosas.

Além disso, existem outros esquemas lucrativos. Por exemplo, alguns invasores apoderam-se dos canais do YouTube e exigem dinheiro do ex-proprietário. Se uma pessoa tiver um número decente de seguidores  e ganhar dinheiro com o seu canal nesta plataforma de vídeo, provavelmente vai pagar.

YouTube para Android à

Olhando para todas estas aparentes vantagens para os criminosos, não é de estanhar que o novo estudo da IntSights aponte para uma verdadeira inundação na Internet com dados de contas do YouTube.

O preço, é claro, depende do número de seguidores de cada canal. É esse valor que pode ser convertido em dinheiro. Por exemplo, o preço inicial de um canal com 200.000 inscritos é de aproximadamente 1000 Euros.

Youtube conta

Quanto aos métodos de invasão de canais, na maioria das vezes, os atacantes recorrem à engenharia social. Assim, os utilizadores mal intencionados levam os proprietários de canais a descarregar e instalar malware.

Hoje em dia é mesmo muito importante termos cuidado com as nossas contas e não usarmos passwords muito fáceis de adivinhar. Do mesmo modo devemos usar sempre sistemas de autenticação de dois fatores. É que quando menos esperamos as nossas contas, sejam elas quais forem, pode ser atacadas e nessa altura há muito pouco a fazer. Muito cuidado também com as solicitações que chegam por email. É aí que damos o ouro ao bandido, ou nesse caso, os nossos dados.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário