(Primeiras Impressões) Galaxy Watch Ultra: Esperava mais…

Ligações rápidas

O mundo dos relógios inteligentes realmente caros é estranho, porque ao contrário de um Rolex desta vida, um smartwatch tem os dias contados assim que chega ao mercado.

Isto significa que a sua performance não vai ser sempre a mesma ao longo do seu ciclo de vida, e talvez mais importante que isso, a sua bateria também não vai durar para sempre.

  • Nota: Importante também refletir que enquanto o valor de um relógio tradicional Premium se mantém, ou valoriza, o valor de um relógio inteligente, por muito bom que ele seja, vai sempre lá para baixo ao longo do seu ciclo de vida.

Ainda assim, apesar de toda a estranheza, a realidade é que este tipo de produto se vende muito bem. Basta olhar para aquilo que a Apple fez com o seu Apple Watch Ultra. Ao mesmo tempo que se dá uma vista de olhar a tudo aquilo que a  Huawei também anda a fazer com os seus relógios Ultimate, Elite, e edições especiais banhadas a ouro.

Por isso, se existe procura, a Samsung, que é hoje em dia a referência no lado dos relógios inteligente no ecossistema Android, tanto em termos de design como também de preço, pode e deve lançar uma alternativa mais Premium do que aquilo que é costume.

É exatamente por isso que vamos dar as boas vindas ao Galaxy Watch Ultra, uma versão que tenta ir um pouco mais além face às versões Pro e Classic que temos visto até aqui.

(Primeiras Impressões) Galaxy Watch Ultra: Esperava mais…

Portanto, o Galaxy Watch Ultra aparece como a derradeira versão daquilo que deve ser um Galaxy Watch no mundo mobile atual.

Dito isto, o design é obviamente uma hibridização entre um relógio rectangular (a fazer lembrar o muito popular Apple Watch Ultra da velha rival da maçã), com aquilo que podemos encontrar na gama Classic da própria Samsung.

É um design que não vai agradar a todos, o que é normal e é até interessante para o mercado. (Afinal, mais designs diferentes é sempre melhor do que tudo ser igual)

Porém, na minha opinião, apesar de tudo aquilo que a Samsung fez de bem neste relógio, a gigante Sul-Coreana peca por não implementar aquela que é a funcionalidade que os utilizadores mais adoram nos seus relógios, e que mais a separa de todas as rivais a atuar no mesmo mercado.

Ou seja, a margem rotativa, tão popular nos modelos Classic, não existe no Samsung Watch Ultra. Ou melhor, a margem até existe, mas por alguma razão não “roda”.

Em vez disso, o Galaxy Watch Ultra faz uso de uma coroa digital. Acha que faz sentido? Para mim não faz.

Galaxy Watch 7 ao lado do Galaxy Watch Ultra

O que muda? Vale a pena?

O Galaxy Watch Ultra aparece no mercado com um ecrã maior, mais bateria, naquilo que é o design mais robusto que a gigante Samsung alguma vez lançou no mercado global. É tudo aquilo que o Galaxy Watch faz de bem, levado ao extremo.

Estamos a falar de um relógio cheio de características premium, desenvolvidas para uma durabilidade extrema. Sendo exatamente por isso que tem um chassis de Titânio Grau 4 e uma resistência à água de 10ATM. Além disso, o Galaxy Watch Ultra funciona numa maior variedade de altitudes! Desde 500 metros abaixo do nível do mar até 9.000 metros de altura, para monitorizar experiências de fitness avançadas, como nadar no oceano ou andar de bicicleta em ambientes extremos.

Porém, como deve imaginar, com “mais coisas”, o preço também tem de subir. Sendo exatamente por isso que o Galaxy Watch Ultra chega ao mercado a custar 699€.

Se 699€ é muito ou pouco, é uma resposta que só poderemos dar depois de testar o relógio. Além disso, é também uma resposta que vai depender muito de si.

Por enquanto, só tivemos a oportunidade de ver como fica no pulso, e de como o sistema responde a alguns comandos. O que realmente interessa, que passa pela monitorização de treinos, em especial o novo sistema AGEs que promete revolucionar o cuidado que tem com a sua saúde… Ainda não tivemos a oportunidade de testar a sério.

Por isso, se está interessado, nada melhor que esperar algum tempo pela nossa análise.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!

Leia também

Os motores dos aviões podem funcionar com gasóleo normal?

Tal como na indústria automóvel, há uma variedade de motores de avião concebidos para funcionar com vários tipos de combustíveis. Até mesmo os aviões...

Waze e Google Maps: um é todos os dias e o outro para explorar

O Waze é uma aplicação de navegação GPS dedicada e o Google Maps oferece o mesmo como um dos seus serviços principais. Seja como...

Chegou a hora de trocar a bateria do seu smartphone?

Os telemóveis, sobretudo quando são novos, funcionam sempre bem. No entanto há sempre uma fase em que as coisas ficam mais tremidas. O problema...

O que faz a bateria do seu smartphone inchar?

Um dos maiores perigos que pode resultar do sobreaquecimento do telemóvel é o facto de a bateria poder começar a inchar. Este fenómeno é...

Muito cuidado com o truque viral da ventoinha e gelo!

O calor está a apertar e nesta altura as pessoas recorrem a todos os truques que podem para ter a casa fresca. Uns são...

Afinal o carregamento rápido nos veículos elétricos não faz mal?

O carregamento rápido frequente nos veículos elétricos deve provocar a degradação da bateria. De facto, com base em experiências laboratoriais e numa sólida compreensão...

Newsletter Leak

Receba todas as notícias e destaques diretamente no e-mail. É grátis!

Artigos relacionados