Inicio Hardware AMD apresenta novos processadores Ryzen e Epyc

AMD apresenta novos processadores Ryzen e Epyc

Os processadores baseados na arquitectura Zen da AMD receberam excelentes criticas no ano passado, fazendo com que a empresa voltasse à corrida contra a gigante Intel, o que pelos vistos motivou a empresa a fazer ainda mais e melhor !
AMD

Ao usar esta arquitectura a AMD está determinada em entrar “numa nova era para processadores embebidos de alta performance”, ao lançar as novas linhas de processadores Ryzen Embedded V1000 e Epyc Embedded 3000.

Os processadores Ryzen e Epyc são equiparáveis à família Intel Core e Intel Xeon, em que o primeiro serve para atacar o mercado de consumidores e o segundo para atacar o mercado profissional e de servidores.

Ao aumentar a sua oferta nestas duas frentes, a AMD aumenta a sua força no mercado de PCs, portáteis e ainda o mercado de redes e servidores, armazenamento e soluções industriais, que a empresa diz que vai desde casinos a infra-estruturas de comunicação profissionais.

Vice Presidente da AMD, Scott Aylor, explica que:

“Os EPYC Embedded 3000 aumentam a fasquia para a próxima geração de virtualização de funções de rede e aplicações de redes de armazenamento, isto enquanto o Ryzen Embedded V1000 oferece uma performance gráfica brilhante num único chip, poupando espaço e energia para sistemas médicos, sistemas gaming e sistemas industriais”

Ryzen V1000

Ao juntar a arquitectura de CPU Zen com a arquitectura de GPU AMD Vega num único chip, a empresa afirma conseguiu criar o seu APU mais poderoso de sempre, o Ryzen Embedded V1000.

Estes Ryzen oferecem até 4 núcleos de processamento físicos e ainda 11 unidades de computação gráfica por chip, resultando nuns impressionantes 3.6 TFLOPS, isto de acordo com a AMD.

Outros números publicados pela empresa dizem que estas novas soluções conseguem oferecer mais do dobro da performance em comparação com as gerações anteriores, e ainda três vezes mais performance gráfica em comparação com a concorrência.

AMD

Epyc 3000

Os Epyc Embedded 3000 foram pensados para serem altamente escaláveis, oferecendo entre 4 a 16 núcleos físicos, cada um deles disponível com a opção de Hyperthreading.

Estes processadores conseguem oferecer até 2.7x mais performance por dólar, isto em comparação com qualquer processador no mercado e o dobro da conectividade da concorrência.

AMD

Estes números apenas serão confirmados quando a AMD lançar estes novos processadores, que já estão em fase avançada de produção. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também

O novo Ryzen 7 5800X já mostrou um pouco da sua ‘magia’!

Como deve saber, a AMD está neste momento a preparar-se para lançar uma nova geração de processadores Ryzen já no próximo dia 8 de...

CoD: Cold War a 4K e 120FPS nas consolas? Parece que sim!

Quando parecia que os 4K@120FPS eram apenas uma promessa que nunca seria cumprida, eis que a Activision mete os jogadores em sentido, ao lançar...

OnePlus 8T: o primeiro smartphone não Pixel com Android 11!

A OnePlus está a mudar algumas estratégias e isto nota-se, não só com o lançamento do OnePlus Nord, como também numa alteração que fez...

(Sondagem) Ecrã ou bateria? O que prefere num smartphone?

O mundo dos smartphones tem um grande calcanhar de Aquiles, a bateria! Sim, é verdade que as baterias estão cada vez maiores e mais...

A NVIDIA já veio a público falar sobre os problemas das RTX 30

Por vezes é normal que um lançamento tenha alguns problemas... No entanto, depois das RTX 20 terem apresentado alguns problemas sérios nas primeiras unidades,...