Inicio Android Mercado de smartwatches está a ferver. Apple domina!

Mercado de smartwatches está a ferver. Apple domina!

De acordo com um relatório publicado pela Strategy Analytics, as remessas globais de smartwatches no terceiro trimestre de 2019 atingiram 14,2 milhões de unidades, 42% mais altas em comparação aos 10 milhões de unidades vendidas no mesmo trimestre do ano passado. “O mercado dos smartwatches continua a aumentar, à medida que os consumidores descobrem as mais valias de os terem integrados com os seus smartphones, especialmente os wearables direcionados para fitness e focados na saúde”, referiu um dos responsáveis desta empresa de estudos de mercado.

Mercado de smartwatches está a ferver. Apple domina!

De todas as unidades vendidas, o Apple Watch chegou às 6,8 milhões de unidades, tornando-o no smartwatch mais popular. Em comparação com o terceiro trimestre de 2018, quando a Apple vendeu 4,5 milhões, as vendas dos seus relógios inteligentes no terceiro trimestre deste ano cresceram 51%. Da mesma forma, a gama Apple Watch é responsável por quase metade da participação de mercado.

de smartwatches

Outros fabricantes líderes neste segmento são a Samsung e Fitbit. A gigante sul-coreana atingiu os 1,9 milhões de relógios inteligentes em todo o mundo no terceiro trimestre de 2019. Ou seja, quase o dobro comparando com os 1,1 milhões no ano passado. Ao nível da participação de mercado, a empresa passou dos 11% no ano passado para 13% no ano atual, tornando-se no segundo maior fabricante de relógios inteligentes. Um dos modelos mais vendidos da empresa é o Galaxy Watch Active 2, que deverá aumentar ainda mais as vendas este Natal.

de smartwatches

Quem segue de perto a Samsung é a Fitbit, que vendeu 1,6 milhões de relógios inteligentes em todo o mundo no terceiro trimestre de 2019, crescendo ligeiramente em relação aos 1,5 milhões de há um ano. Apesar do crescimento nas vendas, a participação de mercado caiu no terceiro trimestre do ano anterior.

de smartwatches

“A Fitbit continua com um desempenho abaixo da média na indústria de relógios inteligentes. No entanto, a sua recente aquisição pela Google pode garantir uma maior participação de mercado”, afirmou Neil Mawston, diretor executivo da Strategy Analytics.

Estranhamente, a Xiaomi parece estar de fora deste estudo, o que faz pouco sentido. No entanto, facilmente percebemos porquê. É que apesar de agora ter lançado o Xiaomi Mi Watch, até aqui só tinha smartbands. Dito isto, enquadra-se noutra categoria.

Fonte Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia também

Hoje ficámos a saber mais sobre o ecrã do Galaxy S21 Ultra!

Um analista muito conhecido do mundo Samsung acabou de partilhar alguma informação acerca do ecrã que irá chegar ao mercado pelas mãos do Galaxy...

AMD Radeon RX 6800 XT: a nova pedra no sapato da Nvidia!

Como se costuma dizer a AMD colocou toda a carne no assador. Dito isto, hoje já demos destaque à AMD Radeon RX 6900 XT....

AMD Radeon RX 6900 XT: a derradeira arma contra a Nvidia!

A AMD Radeon RX 6900 XT foi oficialmente anunciada. Na prática representa a maior arma da AMD contra a rival Nvidia e uma bela...

Galaxy Watch Active 2 recebe mais uma prenda do Galaxy Watch 3

A Samsung lançou um novo update para o Galaxy Watch Active 2 e o aspeto interessante é que chega com mais uma funcionalidade do...

O iPhone 12 tem carregamento inverso… Mas é só para a Apple!

Ao que tudo indica, os novos iPhone 12 têm mesmo a capacidade de carregar outros aparelhos sem fios. Informações que chegam agora à Internet...