Lua de Saturno aparece de forma incrível em novas imagens

A sonda espacial Cassini da NASA está morta. Na realidade está morta desde o final do ano passado, tendo completado uma missão prolongada e uma série de mergulhos audazes através dos anéis de Saturno. Finalmente bateu contra a espessa atmosfera do planeta onde foi literalmente vaporizada. A sonda espacial pode ter desaparecido. No entanto, os dados que enviou para a Terra ainda continuam a ser analisados e combinados. A propósito disto, a NASA acabou de revelar novas imagens muito interessantes.

As imagens são uma série de seis instantâneos infravermelhos da lua de Saturno, Titã. Eles são muito coloridos (graças à magia da imagem infravermelhos) e revelam a lua com detalhes notáveis.

Considerando que as imagens são tão impressionantes porque motivo só as estamos a ver agora? Bem, estas não são umas fotos que a Cassini tenha tirado enquanto passava pela lua. Se fosse este o caso, já as teríamos visto meses ou anos atrás. Na realidade, são o resultado de uma década de dados de mapeamento capturados pela sonda espacial e combinados graças a poderosas ferramentas de imagem.

Segundo a NASA, as imagens representam 13 anos de dados que a sonda enviou de volta à Terra. A propósito disto, os investigadores demoraram um tempo significativo para juntar tudo. Como se fosse um enorme quebra-cabeça de múltiplas camadas, os dados utilizados ​​para criar essas imagens foram reunidos em diferentes momentos e a lua foi gravada sob diferentes condições, permitindo a visão mais precisa possível de Titã.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

1 COMENTÁRIO

Leia também

pub