Huawei P30 Pro: ainda vale a pena comprar este smartphone?

Se tivesse de escolher aquele que para mim foi o melhor smartphone dos últimos tempos, não teria qualquer dúvida em atribuir esse título ao Huawei P30 Pro. É excelente nas capacidades fotográficas, é muito rápido, tem uma grande autonomia e conta sobretudo com os serviços da Google. De facto e depois de o usar desde o lançamento, até há bem pouco tempo, senti sempre que estava perante um dispositivo acabado de chegar ao mercado. Passado mais de um ano e com a chegada de tantos outros dispositivos ao mercado, ainda faz sentido comprar o Huawei P30 Pro?

Huawei P30 Pro: ainda vale a pena comprar este smartphone?

Olhando para o preço atual desde equipamento através do Kuanto Kusta percebemos rapidamente que é possível comprar um por cerca de 520 Euros. Ora 520 Euros para um topo-de-gama de 2019 pode fazer confusão a alguns utilizadores, até porque há dispositivos lançados este ano que só custam mais 200 Euros. Mas olhando para tudo o que ele oferece, 500 Euros podem ser uma verdadeira pechincha.

Huawei P30 Pro comprar

Quando há um ano recebi o Huawei P30 Pro foram muitas as vezes que ouvi alguns “wow”, misturados com “não acredito” quando mostrei a capacidade da câmara. É que para além das fotografias à noite tão características destes equipamentos, temos também o zoom poderoso. Nada disso mudou e ele continua a impressionar. Especialmente quando revelo também do que ele é capaz na fotografia noturna.

Um design que se mantém muito atual

Este dispositivo é muito bonito na parte frontal e o design continua muito atual comparativamente aos topos-de-gama de 2020. As cores gradiente contribuem muito para isto, mas até a versão em preto é muito elegante.

Huawei P30 Pro comprar

Na parte superior e falando das molduras temos um microfone e também um sensor infra-vermelhos. É sem dúvida muito útil. Já me aconteceu estar na cama e não encontrar o comando para ligar o televisor. Quem me salvou de uma investigação pelo comando perdido logo de manhã? O Huawei P30 Pro. Na parte traseira temos uma configuração de três câmaras ou quatro se considerarmos o sensor ToF.

O P30 Pro vem com um ecrã OLED curvo de 6.47 polegadas e com uma monocelha reduzida e garante uma verdadeira experiência de ecrã total, até por não haver qualquer ranhura para o altifalante. Isto foi possível graças a uma tecnologia denominada levitação eletromagnética! De facto e apesar das dúvidas iniciais ao nível da qualidade de som nunca notei qualquer diferença para os outros equipamentos mais tradicionais. Entretanto o painel conta ainda com um sensor de impressões digitais integrado.

Câmaras poderosas e que continuam a impressionar

Em termos técnicos no Huawei P30 Pro temos uma câmara principal de 40 megapixéis. A segunda câmara tem 20 e a terceira 8. Esta última é responsável pelo zoom ótico de 5x.

Huawei P30 Pro comprar

O sensor de 40 megapixéis é algo a que a Huawei chama SuperSpectrum. Isto é uma forma de dizer que é baseado no modelo RYB (vermelho, amarelo, azul), ao invés do RGB (vermelho, verde, azul). Esta mudança do verde para o amarelo ajuda o sensor a absorver mais luz. Assim ficamos com uma excelente fotografia em qualquer ocasião, mas especialmente em situações de baixa luminosidade.

O funcionamento é algo complexo. Ainda assim, a Huawei afirma que o amarelo absorve luz vermelha adicional, para além da luz verde. Entretanto a Huawei levou a capacidade máxima para uns fantásticos 409,600 no P30 Pro. Entretanto importa também destacar o sensor ToF. Ele ajuda as câmaras a medirem as distâncias de forma mais eficaz e a desfocar o fundo.

Huawei P30 Pro comprar

Já a câmara frontal também foi melhorada e continua a fazer um excelente trabalho nas selfies. Disponibiliza um sensor de 32 megapixéis que é capaz de capturar muitos detalhes e com uma excelente representação de cor. Um aspeto importante é que consegue tudo isto com os sistemas de beleza desativados. Claro que os podem utilizar sempre que quiserem.

O Huawei P30 Pro tem estabilização ótica de imagem tanto para os sensores principais como para o de zoom.

Ao nível de vídeo, consegue atingir uma resolução máxima de 4k a 30 frames por segundo. Ainda assim e embora a qualidade de vídeo seja boa, tanto a 4K como a 1080p, é nas fotos que está o verdadeiro poder.

Uma autonomia que continua a surpreender

O P30 Pro tem carga suficiente para funcionar durante dois dias. Entretanto o carregador também é o mesmo que encontramos no Mate. Assim, não será surpresa que vá dos 0 aos 70% em apenas meia hora.

Huawei P30 Pro comprar

A utilizar as aplicações normais, ou seja, navegar na Internet através de Wi-Fi, o P30 Pro consegue funcionar durante aproximadamente 20 horas. Claro que se estivermos a utilizar intensivamente dá para cerca de 14.

Mais de um ano depois a autonomia mantém-se exatamente igual. Isto apesar da quantidade de tralha que ele tem.

Olhando para tudo isto, vale a pena comprar o Huawei P30 Pro?

Sem dúvida! Se não tiverem oportunidade de o comprar novo e se arranjarem algum negócio vantajoso de um recondicionado ou em segunda mão acreditem que vale mesmo a pena.

As melhores fotografias que tenho, de sempre, foram tiradas com o Huawei P30 Pro. O mesmo se passa com os vídeos. Este dispositivo porta-se tão bem nas mais variadas condições que as fotos e vídeos que faço dos equipamentos que testo para a Leak são feitas com este dispositivo.

Huawei P30 Pro comprar

Para além disso o desempenho mantém-se excepcional. Nunca tive qualquer problema com este dispositivo. Parece que está como veio de fábrica, apesar de toda a tralha que tem instalada.

No caso do design, continua completamente atualizado para os padrões de 2020. Ecrã em cascata, extremidades arredondadas, ou seja, tudo o que encontramos nos dispositivos novos.

Talvez a única diferença esteja mesmo no formato das câmaras, já que agora é moda usar os sensores alojados num retângulo.

De resto e considerando que até temos acesso à loja da Google e tudo é um dos melhores equipamentos que podemos comprar, dentro deste segmento de preço e apesar de ser um topo de gama do ano passado.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Filme da Netflix paga milhões a L. DiCaprio e Jennifer Lawrence!

Tendo em conta que ainda este ano vamos receber vários filmes na Netflix, o melhor mesmo será revelar-lhe desde já um dos melhores a...

A Indústria Automóvel está a sofrer (muito) com a crise!

Como deve saber, a atual crise de produção de semicondutores afetou várias indústrias, como a dos smartphones, a de componentes para PCs, mundo dos...

Polémica na Netflix! Caso de violação abana a plataforma!

A Netflix é uma das maiores plataformas de Streaming do mercado, isto não é novidade para ninguém, e como tal, sempre que algo fora...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!