Huawei Mate 10 Pro foi riscado, queimado e dobrado. Sobreviveu?


Por em

Para o primeiro teste de durabilidade de smartphones de 2018, o YouTuber Zack do canal JerryRigEverything escolheu o Huawei Mate 10 Pro como vítima e aparentemente os resultados foram muito bons.

O ecrã apenas se risca quando não era possível “aguentar” mais e consegue resistir a uma chama aberta durante 40 segundos sem qualquer dano, algo que até agora só o Samsung Galaxy S8 tinha conseguido.

Infelizmente e porque o Mate 10 Pro utiliza um painel OLED, os pixeis não se recuperaram depois do YouTuber.

Já no teste em que Zack tenta dobrar este equipamento, o Mate 10 Pro portou-se muito bem. Não dobra em qualquer das partes.

Tanto a câmara frontal como o logotipo da Huawei estão por baixo do vidro e, portanto, não podem ser facilmente arranhados. O mesmo acontece com as câmaras traseiras. Na prática isto significa que não podem ser facilmente arranhadas. No entanto o leitor de impressões digitais possui um revestimento plástico que já se arranha facilmente com uma lâmina de barbear, mas que apesar dos dados continua a funcionar com exactidão.

Leia também

Ou veja mais notícias de Android

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

Xiaomi Mi 7 com 8GB RAM e 4,480mAh de bateria

Intel lança micro-código anti-Spectre, para processadores Skylake

Seguinte