(Especial) A Huawei está a lutar pela sua sobrevivência!

Sabia que já passaram mais de dois anos, desde que a Huawei entrou na afamada ‘lista negra’ (Entity List) dos Estados Unidos? Inicialmente, a gigante Chinesa até se aguentou bastante bem, mantendo a sua posição no top 5 de fabricantes, mesmo sendo atacada um pouco por todo o lado.

Mas agora? As coisas não estão mesmo nada fáceis para a gigante Chinesa, que reportou agora a sua maior queda de sempre nas receitas, referente à primeira metade de 2021 (29%).

Além disto, também reportou uma quebra de 38% nas vendas no segundo trimestre do ano.

(Especial) A Huawei está a lutar pela sua sobrevivência!

Huawei a lutar

Portanto, a Huawei conseguiu arrecadar 49.56 mil milhões de dólares na primeira metade do ano. O que é uma queda muito significativa, especialmente na parte da venda de produtos a consumidores, ou seja, o mercado tradicional de consumo. É aqui que podemos encontrar o departamento de smartphones da empresa, que foi obviamente o que mais sofreu. Este segmento caiu 47%!

Curiosamente, as margens de lucro até subiram um pouco (0.6%~9.8%), tudo devido a aumentos de eficiência dentro da empresa. Contudo, isto foi insuficiente para parar a queda nas vendas de 38% (26 mil milhões de dólares).

Eis o que o atual presidente da Huawei teve a dizer (Eric Xu):

  • Têm sido tempos complicados. O nosso objetivo é sobreviver, e fazê-lo de forma sustentada. Apesar de uma queda nas receitas derivada a razões externas. Estamos confiantes que os nossos restantes departamentos irão continuar a crescer.”

Como dissemos em cima, os efeitos da Entity List demoraram a aparecer, proibições e restrições, que acima de tudo afastaram a Huawei de tecnologia Norte-Americana, o que claro está, inclui a compra de componentes chave, acesso às linhas da TSMC, e claro, acesso aos serviços Google. Para dar a volta à situação, ou pelo menos, para diminuir o peso de toda a situação, a Huawei até se viu obrigada a vender a sua sub-marca Honor.

Em suma, a Huawei já não é uma das líderes do mercado de smartphones, globalmente, ou na europa.

Aliás, nem é só isto que está a sofrer, porque a marca também enviou menos 53.7% tablets para as prateleiras. Talvez ainda mais importante que isto, as vendas da Huawei também cairam na China, o que é muito provavelmente a pior notícia para a empresa, visto que este foi o mercado que na altura da proibição, deu todo o apoio possível e imaginário para a fabricante. Atualmente, a Huawei já não é uma das top 5 fabricantes de smartphones em solo chinês.

No entanto, nem tudo são más notícias!

Entretanto, no mundo empresarial, o negócio até cresceu 18%! Um claro resultado do impacto da pandemia, visto que obrigou ao aumento dos serviços na nuvem, e conectividade ICT.

Em suma, no meio da crise, a Huawei está a tentar reinventar-se, ao olhar para outras fontes de rendimento. Desde computação na nuvem, wearables, carros inteligentes, etc… Mas é inegável que esta história não vai ficar por aqui. E é também inegável que muito provavelmente, não voltaremos a ver os smartphones da gigante Chinesa no top de vendas, pelo menos não nos próximos tempos.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Google: se receber este aviso no Gmail pode ficar sem conta!

É muito raro conseguirmos encontrar uma pessoa que não utiliza produtos Google como o Gmail e o Google Fotos, ou que não tem uma...

Microsoft Edge 94 já está disponível! Atualize agora mesmo!

A versão 94 do Microsoft Edge já chegou ao chamado "canal estável". A atualização marca a transição de um ciclo de seis semanas para...

(Análise) Oppo Reno 6 Pro: Uma aposta muito curiosa!

O Oppo Reno 6 Pro é o novo smartphone topo de gama da gigante Chinesa para a segunda metade de 2021. É um aparelho...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!