Google vai finalmente corrigir o pior defeito do Chrome

O Google Chrome é inegavelmente o browser mais popular do planeta, no entanto, também tem a fama de ser um autêntico ‘comilão’ de recursos, principalmente quando falamos da memória RAM, ou bateria no mundo dos portáteis. Dito isto, é um programa que merece a sua posição no mercado! Graças ao facto de ser extremamente versátil e poderoso, ao fim ao cabo, funciona em todas as plataformas do mercado, e claro, não nos podemos esquecer do facto de estar em constante evolução.



Google vai finalmente corrigir o pior defeito do Google Chrome

Google Chrome 81 falha

- Publicidade -

Portanto, apesar da Google dominar o mundo dos navegadores de Internet, ficar parada à sombra da bananeira nunca é a resposta. Por isso, a gigante do software está agora pronta a atacar o cerne da questão, ou seja, aquilo que mais irrita os utilizadores do Chrome… O seu gasto de recursos! E pelos vistos, a maneira mais fácil de aumentar a eficiência do browser, é mesmo atacar os anúncios publicitários.

Dito tudo isto, a empresa disse na passada quinta feira que vai proteger os utilizadores de anúncios demasiado pesados. Agindo de forma bem curiosa… Como se fosse um problema recente. Ora leia:

“O Chrome é desenvolvido com a performance em mente, tem de ser rápido e responsivo, sem deteriorar a experiência dos utilizadores. Por isso, recentemente de acordo com as normas ‘Better Ads Standards’, tomámos algumas medidas para lidar com os anúncios que os utilizadores achem inaceitáveis. Além disso, também estamos a implementar várias proteções contra experiências abusivas.”

Assim, descobrimos recentemente que uma fração dos anúncios consomem uma quantidade desproporcional de recursos computacionais, como a bateria e dados de Internet, sem o utilizador saber o que está acontecer. Estes anúncios (como os que fazem mining de moedas virtuais, são mal programados, ou não são otimizados para o uso na Internet) podem consumir demasiada bateria, saturar redes de internet, e por isso, custar dinheiro.”

É muito interessante ver a Google a falar de ‘recentemente’, quando existem milhões de tutoriais na Internet para tentar com que o Chrome seja mais eficiente. Este não é um problema recente, seja devido a anúncios ou não.


Google vai finalmente corrigir o pior defeito do Chrome – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.