“Executar como administrador” – O que significa isto?

Alguma vez teve algum problema a abrir algum programa e alguém lhe disse, “abre isso como admin seu totó”. Pois bem, o que significa “Executar como Administrador”? Afinal de contas, quando entramos no Windows, já somos administradores, não deveria ser tudo executado com este nível de privilégio?

Vamos tentar perceber.



“Executar como administrador” – O que significa isto?

Windows administradorPortanto, por que razão alguns programas tendem a necessitar desta forma de execução, e o que acontece quando carregamos no botão?

Por que razão é isto necessário?

Pois bem, se por acaso anda no mundo Windows há alguns anos, deve ter reparado no UAC introduzido primeiramente com o Vista. (User Access Control).

Uma funcionalidade de segurança que ainda faz parte do SO, algo que basicamente lhe pede permissão quando uma aplicação tenta fazer algumas modificações no sistema. Basicamente, é uma ‘porta’ extra que apenas pode ser aberta pelo utilizador, oferecendo acesso ‘elevado’ à app em questão.

Dito tudo isto, quando faz log-in no Windows, a sua conta recebe imediatamente uma ‘token” que traz consigo todos os privilégios que tem dentro do sistema. Como as permissões de execução, de leitura e de escrita de ficheiros.

Além de tudo isto, tem ainda associado um nível de integridade, que é posteriormente utilizado para determinar o nível de confiança de vários aspetos do sistema. Em suma, o Windows está sempre a evitar que aplicações tenham acesso aos ficheiros do sistema. Para isso, foi criado um sistema (Windows Mandatory Integrity Control (MIC)) com seis níveis diferentes de integridade:

  • Não confiável
  • Baixa
  • Média
  • Alta
  • Sistema
  • Confiável

Por defeito, um utilizador tem uma integridade de nível Médio. Este é o nível mais alto que um processo pode ter, antes de este tentar ter acesso elevado, o que claro está, mete o modo de administrador em cima da mesa.

Assim, muito resumidamente, quando carrega num programa e escolher “Executar como Administrador”, esse programa (apenas este programa) é inicializado com uma Token de Administrador. O que claro está, permite alcançar qualquer nível de confiança dentro do sistema.

Entretanto, fique a saber que a Microsoft não recomenda executar os programas como administrador. Em suma, é tudo uma questão de segurança.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também