(Especial) PC Gaming ou Portátil em 2021? A grande questão!

PC Gaming ou Portátil em 2021? Normalmente, ou seja, se o mercado não estivesse completamente virado do avesso, seria completamente contra a compra de um portátil gaming. Afinal, vai ficar quase sempre muito melhor servido com uma torre, visto que a pode personalizar a seu gosto, vai tirar mais rendimento de todos os componentes, e claro, pode fazer algumas atualizações ao longo dos anos.

No entanto, com a crise atual no mundo dos PCs, em que a RAM está cada vez mais cara, e as placas gráficas estão incrivelmente mais caras que diamantes. Talvez seja boa ideia olhar para o mundo dos portáteis!

Afinal, se quiser uma placa gráfica de qualidade, é muito mais fácil encontrar disponibilidade no mundo dos portáteis, a preços justos. Além disto,  verdade seja dita, a performance destas máquinas melhorou bastante nos últimos tempos.

Vamos tentar perceber.

(Especial) PC Gaming ou Portátil em 2021? A grande questão!

Portanto, um PC equipado com uma RTX 3070 e um Ryzen 5800X vai ser obviamente mais poderoso que um portátil igualmente equipado com uma RTX 3070 e um Ryzen 5800HS. Especialmente porque a NVIDIA adora dar o mesmo nome a placas gráficas que têm uma performance completamente diferente.

Isto não é novidade para ninguém! Mas qual é a diferença na realidade?

Antes de mais nada, temos de dizer que sempre foi moda no mercado, ver as fabricantes a apostar em nomes muito similares, para componentes que na verdade não são assim tão parecidos. Curiosamente, a AMD é um pouco superior na nomenclatura dos seus produtos relativamente à NVIDIA, assinalando desde já que a 6800M é um produto mais parecido com a RX 6700 XT e não com a RX 6800 XT ou non-XT. Por isso, é por aqui que vamos pegar para fazer a comparação, ao aproveitar o ASUS ROG Strix G15 equipado com um Ryzen 5800HS e uma AMD Radeon RX 6800M.

Ou seja, vamos comparar um portátil a um PC com ‘especificações semelhantes’, para ter noção do que estou a dizer.

Portátil: (ASUS ROG Strix G15)

  • Ryzen 5800HS
  • 16GB de RAM
  • AMD Radeon RX 6800M

PC Desktop:

  • Ryzen 5800X
  • 16GB de RAM
  • AMD Radeon RX 6700 XT

Benchmarks (Fonte)

Conclusão

Como sempre defendi, entre uma torre e um portátil, ambos com especificações similares, o desktop vai ser mais rápido em todas as tarefas. Especialmente se comparar-mos processadores ou placas gráficas com o mesmo nome, onde a Torre se vai afastar muito mais no departamento da performance. O que não aconteceu neste caso, visto que estamos a comparar uma 6800M com uma 6700 XT, que apesar de terem nomes diferentes, são placas baseadas no mesmo exato GPU (Navi 22).

Porquê? A verdade é só uma, um portátil tem um espaço reduzido para o cooling. Além disto, tem um consumo elétrico máximo reduzido que tem de cumprir. Isto enquanto num PC podemos manter tudo separado, fresco, e o consumo não é assim tão limitado.

Ainda assim, também temos de ser justos numa coisa… A diferença já foi muito maior!

Os portáteis têm evoluído bastante nos últimos anos, com o portátil (ASUS ROG Strix G15) a estar sempre muito perto do PC, ao apresentar mais ou menos 10% de diferença no geral. Aliás, este portátil até é capaz de ultrapassar o Ryzen 7 3700X ou Intel Core i9-9900K em várias tarefas focadas na produtividade, o que é simplesmente incrível.

No entanto, ao preço deste portátil, (1800~2000€), também consegue um PC Gaming espetacular! Especialmente se trocar o Ryzen 5800X por um Intel Core i7-10700F, e meter uma motherboard Intel, visto que a gigante azul é agora a alternativa mais barato do mercado.

Posteriormente temos ainda de pensar na personalização e atualização da máquina ao longo dos anos. Num portátil não vai trocar nada, enquanto num PC pode meter mais RAM, pode trocar a placa gráfica, pode meter mais armazenamento, etc…

Em suma, na minha opinião, se não precisa da portabilidade de uma máquina como esta da ASUS, um PC é sempre mais vantajoso. Mas, em 2021, a vantagem está bem mais pequena em comparação ao passado recente.

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

 

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Sir Clive Sinclair: morreu o grande pai do ZX Spectrum!

Hoje é um dia triste, especialmente para quem é fã do Spectrum ou teve a sorte de conviver com este computador fantástico. É que...

Netflix falhou redondamente com este novo filme! Já viu?

É inegável o facto de que a Netflix é um verdadeiro poço de sucessos em todo o mundo. Afinal e contas, existem séries e...

Oppo Watch 2: afinal há uma versão que tem uma surpresa!

No ano passado a OPPO apresentou o primeiro smartwatch chamado Oppo Watch. Dito isto, este equipamento até teve direito a uma edição especial com...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!