É oficial! Nissan decide abandonar os motores a combustão!

Tal como muitas fabricantes, a Nissan acabou de anunciar o que para muitos são boas noticias e para outros… bem… nem tanto. A fabricante decidiu terminar por completo (menos nos USA), a produção e desenvolvimento de motores a combustão.

Segundo a fabricante, a aposta agora é na eletrificação!

Assim sendo, saiba que esta não de todo uma ‘má jogada’, nos dias de hoje, quando falamos de uma empresa focada na produção automóvel. Aliás, vemos inúmeras marcas a fazer exatamente o mesmo e existem razões para isto acontecer. Estamos, a meio de uma revolução energética no mercado automóvel que necessita de uma aposta multimilionária de recursos humanos e financeiros para avançar.

Nissan

Novos padrões de emissões Euro 7 continuam a fazer vítimas!

Pois bem, se ainda não conhece, estes são os padrões rigorosos que determinam a quantidade máxima de emissões de CO2 para cada motor. Assim sendo, com as regras naus rigorosas a cada ano que passa. O comum agora é a “extinção rápida”, quando falamos de motores a combustão.

No caso da Nissan, a fabricante chegou á conclusão, que para superar as novas regras Euro 7, o custo de criação e produção dos motores sobe demasiado. Ou seja, a próxima geração de motores deixou de ser fiável, a nível monetário, e a aposta agora é na mobilidade elétrica.

De momento, apenas nos Estados Unidos é que a Nissan continua a desenvolver motores a combustão. Especializados para os seus caminhões e SUVs.

carro elétrico sem bateria

Plano da Nissan é apostar forte e feio nos veículos 100% elétricos!

O plano da empresa é de forma gradual, fechar as suas linhas de produção de motores a combustão. No entanto, afirma que nenhuma fabrica será perdida, nem nenhum funcionário perderá a emprego. A marca vai transformar as fábricas e linhas existentes de produção, para o mundo elétrico.

O custo de tudo isto? Ora bem, cerca de 3.7 mil milhões de euros!

Em suma, a grande parte desta aposta segue para a remodelação das fábricas, linhas de produção e claro está, criação de novos veículos e motores elétricos. No entanto, será que a decisão de abandonar os motores a combustão veio demasiado cedo? Qual a sua opinião?

Ademais, o que pensa sobre isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Silvio José
Sempre gostei de tecnologia, e em tenra idade já sonhava em construir a minha Dream Machine. Alcançado esse sonho agora o objetivo é aprender mais e mais. A minha paixão em todo o tipo de tecnologia faz-me estar sempre alerta a todas as novidades.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.