(COVID-19) Cuidado com e-mails relacionadas com a epidemia!

A equipa ‘Microsoft Security Intelligence’ começou recentemente a avisar os utilizadores de uma gigantesca campanha de phishing lançada nas últimas semanas para aproveitar o pânico à volta do novo Coronavírus, o COVID-19. Dito isto, parece que esta campanha é especialmente perigosa… Por isso, como sempre, tenha cuidado com os e-mails que recebe (e abre)!



(COVID-19) Temos e-mails perigosos com ‘estatísticas’ relacionadas com a epidemia

excell, covid, microsoft

Portanto, a campanha de phishing já anda a circular desde o dia 12 de Maio, prometendo vários tipos de informação acerca do COVID-19 para convencer os utilizadores a abrir os anexos do mail. Ora leia o que a Microsoft teve a dizer sobre o assunto:

“Nós estamos a monitorizar uma campanha massiva capaz de oferecer aos atacantes acesso legítimo ao NetSupport Manager utilizando emails com anexos contendo macros maliciosas Excel 4.0. A campanha baseada na epidemia do COVID-19 começou no dia 12 de Maio, e já espalhou centenas de anexos únicos.”

Caso não saiba o que é o NetSupport Manager, estamos a falar de uma ferramenta capaz de dar acesso remoto à nossa máquina. E como tal, é uma ferramenta geralmente abusada pelos atacantes para conseguir executar código maliciosa nos PCs dos utilizadores.

Tenha cuidado!

(COVID-19) Cuidado com e-mails relacionadas com a epidemia! – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte


Google diz que 70% das vulnerabilidades estão na memória!

Portanto, o Google Chrome é o navegador mais popular do planeta, estejamos a falar do mundo dos PCs ou dos smartphones. Por isso, é também um dos grandes alvos dos hackers, afinal, basta pensar em tudo o que temos aqui guardado, especialmente e partir do momento em que começamos a sincronizar todas as nossas informações pessoais (incluindo as passwords) com a nossa conta Google.

Assim, dito tudo isto, a Google veio agora a público dizer que a grande maioria dos bugs de segurança do Google Chrome estão relacionados com problemas na memória. Uma conclusão da equipa de engenharia responsável pelo browser, depois de terem analisado 912 bugs da versão estável. (Bugs de 2015 até agora).

Leia o resto do artigo aqui.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário