Apple Silicon M1: o novo motor dos negócios da Apple!

Passaram alguns dias desde que a Apple apresentou ao mundo o novo chip M1 para os MacBooks. Foi algo que teve um grande impacto uma vez que representa um corte com um passado recente baseado nos processadores Intel. Os números dizem que esta pode ter sido uma excelente decisão! De acordo com a TrendForce, as vendas do Apple MacBook devem chegar aos 15,5 milhões de unidades em 2020. Isto representa um crescimento anual de 23,1%. O principal motivo para este crescimento é a maior procura por portáteis devido à pandemia. Além disso, os novos Mac, assim como o processador M1, vão levar as vendas de MacBooks a baterem recordes no próximo ano. A TrendForce acredita que serão envios para distribuição 17,1 milhões de unidades em 2021. O crescimento anual provavelmente vai ultrapassar os 10%. Ou seja, o chipset Apple Silicon M1 vai fazer maravilhas pelos negócios da Apple.

Apple Silicon M1: o novo motor dos negócios da Apple!

Entretanto a TrendForce afirma que embora o novo MacBook Air de 13,3 polegadas tenha o mesmo preço do antigo, espera-se que reduza significativamente o consumo de energia graças ao Apple Silicon M1. Assim vai chamar ainda mais à atenção do consumidor.

Apple Silicon M1

Além disso, a combinação do Apple Silicon M1 e macOS Big Sur vai continuar a fortalecer os produtos da Apple. Para além disso vai levar muitas pessoas a fazerem o upgrade. Falo em concreto de quem está em computadores que ainda utilizam a arquitetura Intel.

O M1 está no novo MacBook Air e MacBook Pro de 13,3 polegadas. Ah e também no Mac Mini. Espera-se que os MacBook Pro de 14 e 16 polegadas também usem processadores Apple Silicon série M no próximo ano. Com as melhorias no desempenho, é certo que as vendas e a força dos MacBooks vai aumentar ainda mais.

De acordo com a TrendForce e com base na estimativa atual de 1,9% de crescimento anual no mercado global de portáteis em 2021, o desempenho da Apple é relativamente bom. Não só será capaz de impulsionar as vendas de Macbooks no próximo ano com o primeiro processador desenvolvido internamente, mas a sua participação no mercado global de portáteis também vai aumentar de 8% neste ano para 8,7% no próximo.

Veja aqui os preços de todas as novidades em Portugal.

Fonte

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

iOS 15 e iPadOS 15: estas são as melhores funcionalidades!

Chegou o iOS 15 e o iPadOS 15 o que significa que este acaba por se tornar num dia cheio para os fãs da...

Polémica na Netflix! Série indicada aos Emmys afinal não presta?

Muito recentemente, falámos aqui acerca dos Emmys e como nos últimos anos a Netflix tem dominado quase por completo estes prémios. No entanto, este...

Windows 11: Microsoft pode voltar atrás para calar os utilizadores

Sempre que chega ao mercado um novo sistema operativo vem carregado de modificações e nem todas as pessoas se conseguem habituar da melhor forma....

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!