Já é possível alugar smartphones por um único dia!

Não é novidade para ninguém que o mundo dos smartphones encareceu a sério nos últimos 2 anos. Afinal de contas, nesta altura do campeonato, o topo de gama da Xiaomi, que tradicionalmente sempre foi conhecida como uma marca empenhada em oferecer o melhor produto possível por uma quantia justa de dinheiro, é mais caro que o atual iPhone 14 Pro, um dos smartphones mais desejados, e mais caros, do mercado.

Sendo exatamente por isso que muitos consumidores se têm virado para gamas mais baixas, para os usados, para os recondicionados, e pelos vistos, também para o aluguer ou renting de smartphones. É um fenómeno interessante, que até tem tido algum sucesso quando feito pelas próprias marcas, como é o caso da Samsung, que disponibiliza grande parte da sua gama de smartphones de topo, a partir de um modelo de ‘aluguer’ de 1 ano, 1 ano e meio ou até mesmo 2 anos.

Mas, sabia que também já é possível alugar um smartphone por 1 ou 2 dias? Um modelo de negócio focado em eventos como aniversários, casamentos, batizados, etc?

Aluguer de smartphones já chegou aos usados e recondicionados!

Portanto, mesmo com o encarecimento dos smartphones em geral, os utilizadores continuam a querer ter um bom smartphone nas suas mãos, por isso, começam a investigar algumas alternativas menos convencionais. Que muito honestamente começam a ganhar muita popularidade, ao aparecer em várias lojas. Aliás, acredito que é apenas uma questão de tempo até as grandes superfícies começarem a oferecer este tipo de serviço.

Alguns exemplos são a 2ndmobile.pt (que faz retoma, e posteriormente aluga os smartphones), ou a futurdata.pt, que tem um modelo de negócio muito similar, mas aparentemente mais focado em empréstimos curtos.

Afinal, no caso da futurdata, é possível alugar um smartphone por 1 mês, uma semana, ou se quiser, um único dia. Tem um evento importante e quer fazer boa figura? Já dá para alugar um smartphone topo de gama, para fazer inveja a todos os presentes.

Como é óbvio, é preciso salientar que não conhecemos o estado destes aparelhos, nem como é que este tipo de aluguer funciona ao certo. Nem estamos a fazer publicidade a estas lojas, estamos apontas a apontar alguns dos exemplos que já adotaram este modelo de negócio. Dito tudo isto, ao que tudo indica, o preço do aluguer depende do tempo, do aparelho, e do estado de conservação do mesmo.

Antes de mais nada, era algo que gostaria de aproveitar num futuro próximo? Ou não faz sentido? Partilhe connosco a sua opinião na caixa de comentários em baixo.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados