Inicio Afinal Estados Unidos dão mesmo mais três meses à Huawei!

Afinal Estados Unidos dão mesmo mais três meses à Huawei!

O governo dos Estados Unidos alargou a licença geral temporária que permite às empresas americanas negociarem com a Huawei. Lembramos que a anterior expirou hoje e o governo Trump decidiu prorrogá-la por mais 90 dias.

Boas notícias! Afinal Estados Unidos dão mais três meses à Huawei!

Na sexta-feira, a Reuters relatou que as isenções da proibição comercial da Huawei só poderiam ser estendidas por um período de duas semanas. Aliás falámos hoje disso aqui. No entanto, o governo Trump mudou a sua decisão à ultima da hora para permitir uma extensão mais longa.

Ou seja, tudo indica que o impasse EUA-Huawei vai continuar, por enquanto. Na prática, é a terceira vez que o governo dos EUA estende a licença temporária da Huawei, sem nenhuma resolução permanente à vista.

Em comunicado à Reuters, o secretário de Comércio dos EUA, Wilbur Ross, afirmou que apesar desta extensão temporária, vão continuar a acompanhar “rigorosamente as exportações de tecnologia confidencial para garantir que as nossas inovações não sejam aproveitadas por aqueles que ameaçam a segurança nacional”.

Com outra suspensão de 90 dias, os dispositivos Huawei poderão receber importantes atualizações de software e segurança até pelo menos março de 2020.

meses à Huawei

É importante salientar que estas atualizações de software serão limitadas a dispositivos que foram lançados ou licenciados antes da Huawei ser colocada na lista de entidades dos EUA. Portanto, se espera que a gama Mate 30 obtenha os serviços da Google em breve, talvez seja necessário aguardar mais um pouco. Pelo menos, até que termine esta guerra comercial.

De facto, até o smartphone dobrável, o Mate X, terá de esperar pelo fim da proibição para obter os serviços do Google. Esta é possivelmente a razão pela qual a Huawei não lançou o dispositivo em nenhum outro mercado, exceto na China.

Quanto à Huawei, a empresa não tem estado a perder muito por estar na lista negra dos EUA. Mais do que compensar os negócios perdidos, aumentou largamente as operações na China.

De facto, este gigante até está a trabalhar no seu próprio sistema operativo para dispositivos móveis, para que não necessite desesperadamente da Google se a proibição for prolongada. Também é bem possível que as tensões comerciais EUA-China diminuam nos próximos meses, possivelmente levantando essas sanções contra a Huawei. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

(Descontos) Compre o Windows 10 Pro por menos de 12,62€!

Compre o Windows 10 Pro por menos de 12,62€! - Num mundo cada vez mais digital, é sempre importante ter em conta as ofertas...

Galaxy S20 FE vs Galaxy S20: Qual é a grande diferença?

Como deve saber, temos um novo Galaxy S20 no mundo dos smartphones! Estamos a falar do Galaxy S20 FE (Fan Edition), um aparelho que...

TicWatch Pro 3: justifica-se um preço de 299 Euros?

A Qualcomm revelou dois novos chipsets para wearables em junho. Falo do Snapdragon Wear 4100 e 4100+. Os novos chips são uma atualização significativa...

Amazon: as quatro novidades tecnológicas mais importantes!

A maioria das pessoas conhece a Amazon pela loja, propriamente dita. No entanto há muito mais para além disso. Exemplo disso é o novo...

Spotify pode abandonar o iPhone? Entenda as razões!

Os tempos estão complicados para a Apple. Um desentendimento com a Epic Games devido às compras no Fortnite está rapidamente a escalar e a...