Windows 10

Em algo que já começa a ser normal… Sai uma nova atualização para o Windows 10… E pimbas, temos novos problemas a destruir os computadores dos utilizadores. Pois bem, desta vez a culpa foi da atualização KB4523786 lançada no dia 24 de Outubro, que segundo a própria Microsoft, talvez seja boa ideia ficar quieta no centro de atualizações.

Não instale a atualização KB4523786 do Windows 10! O aviso é da Microsoft

windows 10

Portanto, caso não saiba, a Microsoft lançou no passado dia 24 de Outubro a atualização cumulativa KB4522355, que segundo a gigante do software servia apenas e só para corrigir todos os problemas que se têm acumulado nos últimos meses. Assim, a atualização trouxe correções para o Microsoft Narrator, funcionalidades de pesquisa, etc…

Contudo, juntamente com este update, veio também um outro pacote de seu nome KB4523786. Que apesar de não ser de instalação obrigatória, tem provocado alguns problemas. Aliás, já chegou ao ponto da Microsoft vir a público dizer para não instalarem o software.

Curiosamente, ninguém sabe muito bem o que esta atualização estraga. Mas tudo isto levanta uma questão… Porque razão anda a Microsoft a lançar tantas atualizações problemáticas? Bem, se está curioso, isto é algo que já respondemos aqui:

Resumidamente, eis os problemas que o Windows 10 tem apresentado nos últimos 6 meses:

  • Erro crítico no Menu Iniciar
  • Erro crítico no Edge
  • Barra de Pesquisa com funcionamento inconstante
  • Ecrã Azul da Morte em várias máquinas (BSOD)
  • Erro na execução do VMWare Workstation
  • Problemas de áudio
  • Problemas no WiFi
  • Impressoras sem conexão ao Windows
  • etc…

Em suma, segundo a Microsoft, a próxima grande atualização (Novembro) deverá corrigir todos os problemas de uma só vez… Mas será que ainda podemos confiar na Microsoft?


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.