Inicio Especiais A Sony quer ganhar dinheiro com a retro-compatibilidade da PS5

A Sony quer ganhar dinheiro com a retro-compatibilidade da PS5

Muito resumidamente, os planos da Sony para a PS5 não passam apenas pela introdução de novo hardware! A ideia é revolucionar a plataforma, trazendo recursos e funcionalidades próprias de uma ‘próxima geração’.

Assim, dito tudo isto, um dos avanços mais esperados e ‘leakados’, é mesmo a possibilidade de cada jogador criar o seu próprio mini-jogo a partir da PS Network. Ou seja, vai ser possível criar demos para os outros jogadores experimentarem títulos que nem sequer têm na sua biblioteca.



A Sony quer ganhar dinheiro com a retro-compatibilidade da PS5

retro-compatibilidade ps5

Portanto, é provável que já tenha lido qualquer coisa nos últimos dias a mencionar a aposta na retro-compatibilidade na PS5 a partir do PS Now. Algo que chegou agora aos meios noticiosos devido ao ‘leak’ de uma patente. Pois bem, o problema é que esta patente foi originalmente registada em Dezembro de 2013, um ano antes do lançamento do PS Now. 

Aliás, para dizer a verdade, sempre foi óbvio que a Sony sempre preferiu apostar na retro-compatibilidade a partir deste serviço, do que partir para a emulação como fez primeiramente na PS3 e PSP. Que caso não saiba,  são duas consolas capazes de emular um grande número dos jogos das suas antecessoras.

Porque, ao fim ao cabo, é assim que se faz dinheiro.

Dito tudo isto, o que é realmente interessante na patente que fez agora furor na Internet, é a parte que foi atualizada no dia 10 de Junho, onde podemos ler que os jogos PS1, PS2 e PS3 irão ter suporte à funcionalidade de partilha que mencionámos logo no início deste artigo. O que é seguramente super interessante, sendo também mais uma razão para os jogadores subscreverem o PS Now!

Ao fim ao cabo, consegue imaginar estar a ver um streamer na Twitch, e do nada este meter um link no chat para toda a gente jogar uma parte do jogo com a sua própria personagem? Isto em qualquer jogo PlayStation alguma vez lançado? Incluindo (claro está), os jogos da PS1, PS2 e PS3!

Estamos a falar de algo que poderá criar uma onda de entusiasmo à volta do PS Now, trazendo muito e bom dinheiro para os bolsos da Sony. Assim, muito resumidamente, porque haveria a Sony de apostar numa retro-compatibilidade tradicional, se pode ganhar mais desta forma?


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia também

Hoje ficámos a saber mais sobre o ecrã do Galaxy S21 Ultra!

Um analista muito conhecido do mundo Samsung acabou de partilhar alguma informação acerca do ecrã que irá chegar ao mercado pelas mãos do Galaxy...

AMD Radeon RX 6800 XT: a nova pedra no sapato da Nvidia!

Como se costuma dizer a AMD colocou toda a carne no assador. Dito isto, hoje já demos destaque à AMD Radeon RX 6900 XT....

AMD Radeon RX 6900 XT: a derradeira arma contra a Nvidia!

A AMD Radeon RX 6900 XT foi oficialmente anunciada. Na prática representa a maior arma da AMD contra a rival Nvidia e uma bela...

Galaxy Watch Active 2 recebe mais uma prenda do Galaxy Watch 3

A Samsung lançou um novo update para o Galaxy Watch Active 2 e o aspeto interessante é que chega com mais uma funcionalidade do...

O iPhone 12 tem carregamento inverso… Mas é só para a Apple!

Ao que tudo indica, os novos iPhone 12 têm mesmo a capacidade de carregar outros aparelhos sem fios. Informações que chegam agora à Internet...