A Retro-Compatibilidade da PS5 acabou de ser explicada!

Uma nova patente da Sony, chegou agora à Internet, e muito curiosamente, explica em detalhe, como a retro-compatibilidade de PlayStation 5 irá funcionar!

Afinal de contas, caso não saiba, a Sony já confirmou que a sua consola de nova geração, irá contar com a tão famosa retro-compatibilidade de jogos… Com os títulos da PlayStation 4 já confirmados, como suportados.



Contudo, a empresa decidiu não explicar muito bem como isto irá funcionar! E pelos vistos nem precisa, visto que uma recente patente, faz a papinha toda, caso esteja interessado.

Em suma, uma patente denominada de “Real-Time adjustment of application-specific operating parameters for backwards compatibility”. Dá umas luzes, de como a Sony está a pensar implementar uma das funcionalidades mais requisitadas de sempre.

retro-compatibilidade

Dito isto, a patente foi registada em 2017, mas apenas agora chegou à Internet. E de forma muito resumida, o que este documento explica, é a maneira como a Sony conseguiu evitar todos os problemas, que a diferença de hardware traz, quando é necessário correr software ‘legacy’.

Caso não saiba, a diferença de performance entre componentes de hardware, pode causar erros de sincronização no aparelho mais recente! O que claro está, pode levar ao crash da aplicação em causa.

Isto, porque hardware mais recente é bastante mais rápido… E por isso, é também muito mais rápido no processamento dos jogos que foram desenhados para as consolas ‘antigas’.

Assim, como seria de esperar, fazer com que jogos antigos funcionem sem qualquer problemas em sistemas mais recentes… Acaba por ser uma missão bastante complicada!

retro-compatibilidade

O que em boa verdade, explica o porquê da Sony ter implementado os chips de processamento da PS2, nas primeiras unidades da PS3. Que conseguiam correr todos os jogos da PS1 e PS2, sem qualquer problemas… Porque no fundo, tinham uma PS2 embebida na motherboard.

Portanto, é fácil chegar à conclusão, que a Sony está a fazer tudo por tudo, para conseguir levar todos os jogos da sua biblioteca, para a consola de nova geração. Aliás, caso não saiba, a arquitetura Radeon Navi, que irá servir como base da placa gráfica da PS5, já foi criada com isto em mente.



Por fim, é bem provável que fiquemos a saber mais sobre isto, bem como doutras funcionalidades inovadoras, na PSX 2019 (PlayStation Experience).


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Fonte

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

2 COMENTÁRIOS

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Conta Google: se receber este aviso pode ficar sem conta!

É muito raro conseguirmos encontrar uma pessoa que não utiliza produtos Google como o Gmail e o Google Fotos, ou que não tem uma...

Enganou-se? Anule agora mesmo um envio no Gmail!

Já aconteceu a todos enviarmos uma mensagem e depois arrependermo-nos. Isto porque dissemos o que não queríamos ou porque no segundo a seguir verificámos...

Windows 11: a versão final já está na Internet e pode descarregar!

A Microsoft anunciou que os Windows Insiders no canal Release Preview já podem deitar a mão ao novo sistema operativo. Isto é realmente importante...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!