Sabia que pode jogar Diablo de borla, no browser do seu PC?

O jogo Diablo da Blizzard, lançado no dia 31 de Dezembro de 1996, é sem qualquer tipo de dúvida um dos títulos mais populares de sempre. É verdade que a grande maioria dos gamers de hoje em dia, nunca tocou no título… Ainda assim, é inegável que muita da mística deste jogo ainda se encontra em vários títulos modernos, e claro está, Diablo III contínua a ser um estrondoso sucesso de mercado.

Aliás, basta olhar para o fail da BlizzCon 2018, quando existia uma autêntica multidão à espera do anúncio de Diablo IV! Acabando por ser presenteados com uma versão Mobile do popular jogo.



Afinal de contas, o jogo original vendeu apenas 2 milhões de cópias, com Diablo 2 a vender 6 milhões e Diablo 3 ainda no mercado já com mais de 20 milhões de unidades vendidas.

Mas calma… Se por acaso nunca jogou o título original, está com sorte! Diablo 1 está agora disponível no browser do seu PC, cortesia da RivSoft. (Clique aqui)

Portanto, existe agora uma versão ‘Shareware’, com o nome de Devilution. Que curiosamente foi criada a partir da reconstrução do código fonte original de Diablo. Ou seja, o jogo está completo até com todos os bugs e código terrível dos anos 90.

Além disto, se por acaso tiver o jogo original, poderá usar o seu ficheiro principal para desbloquear a versão total do título para o browser. Caso contrário, pode sempre adquirir o jogo nos mais variados sites de venda online. (Que até já trazem a expansão)

Será que isto é legal? Provavelmente não… Depende do que a Blizzard achar de todo o projeto

Em boa verdade, sob o DMCA, é possível criar projetos destes tipo, com determinados propósitos. Dito isto, o projeto ‘Devilution’ até fornece a documentação necessária, mas sem dúvida que tudo isto está num espaço cinzento. Por isso, no fundo, tudo irá depender daquilo que a Blizzard e seus executivos pensam sobre isto.

Esperemos que achem piada… Até porque, tudo isto poderá resultar num aumento de vendas para o estúdio.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário