Prime Video causa insatisfação e não é devido a filmes e séries!

O serviço Prime Video da Amazon tem uma excelente oferta de filmes para toda a família e também pode assistir a excelentes programas de streaming. Apesar do bom catálogo, os utilizadores parecem insatisfeitos com o Prime Video e não é devido à escolha de filmes e séries!

Prime Video causa insatisfação e não é devido a filmes e séries!

De acordo com o Business Insider que cita documentos internos que chegaram à Internet, o Prime Video tem muitos detalhes de conteúdo imprecisos. Estes incluem títulos incompletos, episódios em falta e más traduções. Diz-se que 60% de todas as reclamações de experiência do cliente relacionadas ao conteúdo do Prime Video em 2023 são sobre erros de catálogo. A Amazon recebeu quase 10000 reclamações sobre “integridade da temporada”, que inclui defeitos como episódios ausentes, opções de reprodução inconsistentes e disponibilidade de conteúdo incorreto.

O relatório destaca os seguintes exemplos:

  • O segundo episódio da série “The Rings of Power” estava disponível antes do primeiro episódio para alguns espectadores quando foi lançado em 2022.
  • Alguns espectadores queixaram-se de um erro de tradução nos nomes das personagens.
  • O filme de ação “Die Hard with a Vengeance”, a certa altura, não tinha áudio em espanhol.
  • A série televisiva “Continuum” apresentava uma restrição de idade incorrecta.
  • Os documentos também destacam a “fraca qualidade linguística dos conteúdos”, como erros de tradução ou ilustrações incorrectas nas páginas de apresentação dos conteúdos.

São também citadas outras queixas de utilizadores do fórum da Amazon e do Reddit, que apontam para ordens de episódios confusas e títulos de filmes errados. Aliás o Chicago Med tem alguns problemas destes como já tivemos oportunidade de constatar.

Sem surpresa, estas imprecisões estão a levar os espectadores a abandonar os programas, apesar de a Amazon investir no crescimento do seu negócio de streaming. De acordo com um dos documentos, o conteúdo com a página de exibição localizada errada teve uma queda de 20% no envolvimento.

Assim o relatório diz que a Amazon lançou uma iniciativa em 2024 para resolver esses problemas e evitar reclamações de clientes.

Entretanto a Amazon mencionou num comunicado que “a qualidade do catálogo é uma prioridade contínua”. Além disso, o porta-voz acrescentou: “Levamos isso a sério e trabalhamos incansavelmente ao lado de nossos parceiros globais e equipes internas dedicadas para melhorar continuamente a experiência geral do cliente”.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados