Nova tecnologia pode esconder totalmente a câmara para selfies

O iPhone X fez da monocelha uma caraterística de design quase obrigatória, já que quase todos os fabricantes de dispositivos Android a copiaram este ano. A Samsung tem sido, sem dúvida, uma agradável surpresa uma vez que não foi em modas. No entanto, apesar das monocelhas estarem a ficar, em muitos casos, mais pequenas, continuam a ser uma moldura que corta a parte superior do ecrã ao meio.

Para acabarem com esta protuberância os fabricantes chineses arranjaram algumas formas inventivas. Assim, temos câmaras deslizantes que surgem do chassis, mas não se livraram da moldura inferior. No entanto este tipo de câmaras que deslizam são uma opção interessante mas não a melhor. É que podem comprometer a resistência do smartphone à água. Para além disso este tipo de câmaras não são compatíveis com Face ID, uma vez que teriam de alojar diversos sensores.

Num futuro próximo, a Apple vai descobrir formas de colocar as câmaras TrueDepth e FaceTime atrás do ecrã. O alti-falante frontal e outros sensores também vão necessitar de estar atrás do ecrã. Mas para que isso aconteça, a Apple e outros fabricantes de smartphones vão ter de utilizar uma nova solução.

A Largan, um fabricante de módulos de câmara, está a desenvolver um revestimento “preto puro” que vai permitir tornar a câmara para selfies invisível a olho nu. Claro que se pensarmos um pouco isto não é criar propriamente um ecrã infinito. É colocar uma barra preta onde a câmara para selfies não se vê. Assim, seria muito mais interessante esconder a câmara no próprio ecrã, mas de modo a que ele pudesse ser utilizado nessa parte.

Esta tecnologia da barra preta ainda não é oficial, e os primeiros dispositivos a usá-la só devem chegar em 2020, segundo o site MacRumors. No entanto, o projeto não é exatamente um segredo bem guardado, como foi revelado nos sites de notícias de Taiwan, Economic Daily News e MoneyDJ.

Como a Apple é cliente da Largan, o gigante da maça parece ser uma provável candidata a utilizar essa tecnologia nos novos iPhones. No entanto, as informações revelam que podem até ser duas as empresas a adotá-la em 2020.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário