(Mining) AMD não vai limitar as placas gráficas Radeon

Como deve saber, a NVIDIA decidiu criar uma limitação via software nas suas mais recentes placas gráficas RTX 3060, de forma a garantir que o stock não desaparecia na sua totalidade para dar vida a rigs de mining por esse mundo fora.

Isto ao mesmo tempo que também anunciou o lançamento de placas focadas apenas e só no mining, uma gama de produtos denominada de CMP (Cryptocurrency Mining Processors).

Pois bem, a AMD tem estado atenta, mas não parece muito interessada nesta estratégia… Especialmente agora que ambas as jogadas ‘explodiram’ na cara da NVIDIA.



(Mining) AMD não vai limitar as placas gráficas Radeon

AMD limitar

Portanto, depois de tudo o que aconteceu com a NVIDIA, que prontamente anunciou medidas ‘rigorosas’ contra o mining, que claro, entretanto já caíram… Ao mesmo tempo que anunciou uma nova linha de produtos, que afinal é tão ou mais cara que as atuais placas gráficas GTX 16 e RTX 30… A AMD decidiu estar quieta. Ora leia o que o gestor de produtos da AMD teve a dizer (Nish Neelalojanan):

“A nossa estratégia é diferente, nós não vamos limitar o hardware, porque não cabe a nós decidir o que fazer com o hardware. Não vamos limitar nenhum workload.”

Curiosamente, a arquitetura RDNA 2 da AMD nem é grande coisa no mining, pelo menos em relação às placas RTX 30 ‘Ampere’ da NVIDIA. Sabe porquê? A AMD deu primazia à performance nos jogos. Ou seja, existem algumas especificidades arquiteturais na própria arquitetura das placas, que acabam por reduzir a performance neste mundo da mineração. (Como é o exemplo da Infinity Cache, que apesar de aumentar a performance em jogo, diminui significativamente a performance da memória para este tipo de workload. Caso não saiba, o algoritmo DaggerHashimoto depende muito da velocidade da memória)

É exatamente por isto que a placa mais poderosa da AMD, a RX 6900 XT, apenas oferece 54 MH/s de performance no mining de Ethereum. Para ter noção, a RTX 3060 sem a limitação chega aos 49~50 MH/s, e a RTX 3090 chega aos 120 MH/s.

Contudo, tudo isto não significa que a AMD não ande a investigar o lançamento de uma gama de placas gráficas baseada na arquitetura Navi 10.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também