Como ativar o Microsoft Defender Application Guard

A Microsoft faz o que pode para garantir que o Windows 10 funciona da forma mais segura possível. No entanto, os perigos estão sempre presentes em todo o lado. O curioso é que o sistema operativo da Microsoft tem algumas funções escondidas que podem garantir um nível muito elevado de proteção. No entanto, nem sempre estão ativadas. Esta que vou explicar pode ser um verdadeiro salva vidas, sobretudo se formos parar a algum site suspeito que tenta roubar os nossos dados. Vamos então explicar-lhe como ativar o Microsoft Defender Application Guard no Windows 10.

Como ativar o Microsoft Defender Application Guard

A função do Windows 10 que protege a nossa rede e os nossos dados de sites perigosos e até apps que possam tentar correr no browser chama-se Microsoft Defender Application Guard. É realmente importante. No entanto vem desativada por defeito. Assim é necessário ativarmos.

Como é que funciona o Microsoft Defender Application Guard?

O Microsoft Defender Application Guard cria uma espécie de memória isolada para correr o browser. Ora se alguma coisa atacar, quer seja o Chrome, o Edge ou outro então a ameaça não vai conseguir sair desse espaço. Ou dito de outra forma não vai conseguir estragar nada no nosso computador. Para além dos browsers este sistema também funciona com algumas aplicações como o Word e o Excel.

Ativar este sistema para que ninguém roube os seus dados no Windows 10

Para ativar este sistema rapidamente comece por escrever ativar ou desativar e vai aparecer a opção que mostro abaixo. Depois é só darmos um clique em Abrir.

Windows 10 dados

Agora na nova janela procure por Microsoft Defender Application Guard. Quando encontrar coloque um visto e já está.

No entanto pode acontecer-lhe como na imagem acima. Ou seja a opção surge como sendo impossível de ativar. Nessa altura o Windows revela que a questão está relacionada com o firmware.

Pois bem, para isto funcionar é necessário que a virtualização esteja ativada na BIOS e normalmente não está. Escusado será dizer que isto varia de Bios para Bios e pode aparecer com nomes diferentes.

No caso da minha estava escondida na secção M.I.T e depois dentro de Advanced Frequency Settings. O nome varia se tiver um processador AMD ou Intel. No entanto se não encontrarem podem usar os comentários para me dizer o modelo da board que eu explico como fazerem.

Com a função ativada na BIOS já é possível ativarmos o Microsoft Defender Application Guard.

Windows 10 dados

Verificarmos as definições

Agora que está ativada é altura de verificarmos as definições. Na pesquisa junto ao menu Iniciar escreva segurança do Windows. Depois clique em Abrir.

Agora do lado esquerdo escolha Controlo de Aplicações e Browsers.

Do lado direito temos a opção navegação isolada. Aí carregue em Instalar o Microsoft Defender Application Guard caso não surge a opção de alterar as definições. A seguir à instalação tem de reiniciar o computador. Se entretanto lhe apareceu logo Alterar Definições do Application Guard clique aí.

Agora podemos definir com muita precisão diversas opções que vão garantir ainda mais a nossa segurança. Deste modo pode ficar muito mais seguro a navegar na Internet.

Entretanto não se esqueça que se necessitar de ajuda para ativar a virtualização na Bios basta indicar-me o modelo da motherboard na secção de comentários.

Não perca nenhuma informação importante. Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir ou no símbolo da estrela no canto superior direito.

Subscrever

Outros artigos

Windows 11 22H2: a nova versão chega a 20 de Setembro!

Quem andava ansioso pela nova versão do Windows 11,...

Para estar seguro não basta apagar o histórico do Chrome!

Pelas mais variadas razões podemos ter necessidade de apagar...

Android: resolva agora os problemas mais comuns!

O Android é um sistema operativo muito intuitivo, fiável...

Como ter três meses de Spotify totalmente grátis!

Ninguém gosta de passar ao lado de uma boa...

Sony quer acabar com a câmera frontal! Saiba como!

Enquanto a tecnologia de câmera frontal escondida continua a...
mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.