MediaTek está a crescer e a culpa é da nova estratégia!

A MediaTek divulgou o seu relatório financeiro para o segundo trimestre deste ano. Dito de outro modo, o segundo trimestre de 2019. Logo à partida apresenta um crescimento considerável em relação ao trimestre anterior e um crescimento menor em comparação ao ano anterior. A MediaTek está bem de saúde!

MediaTek está a crescer e a culpa é da nova estratégia!

A empresa reportou que cresceu 16,8% no segundo trimestre de 2019. Isto em comparação com o trimestre anterior e 1,8% quanto aos valores do ano passado. A margem de crescimento consolidada aumentou e é de 3,7% em relação ao ano anterior.

MediaTek está

Entretanto, a MediaTek também revelou que o lucro líquido da empresa cresceu 90,4% em relação ao último trimestre. No entanto, na comparação anual caiu 12,6%. O crescimento do lucro operacional reportado pela empresa é de 93,9% na base trimestral e de 50,1% comparativamente ao ano anterior.

Segundo esta organização, o aumento em relação ao trimestre anterior deveu-se principalmente ao aumento da procura sazonal por produtos de eletrónica de consumo. Já o aumento ano a ano foi atribuído também ao maior número de vendas de produtos de eletrónica de consumo, como IoT, ASIC e PMIC.

O desempenho da MediaTek tem-se mantido estável desde 2016 devido à forte concorrência no mercado de smartphones. De facto, a sua receita só tem crescido há pouco mais de três anos. No entanto, os lucros e as margens da empresa têm vindo a cair.

Olhando para isto era realmente necessário fazer-se algo. Assim, esta empresa mudou a sua estratégia e está a concentrar-se agora nos chipsets de gama média, em vez de apostar nos smartphone premium. Para além disso, está a decorrer também uma otimização do portfólio de produtos para reduzir custos. Esta é a razão pela qual seus processadores ainda estão no processo de fabrico de 12nm. Lembramos que muitos concorrentes já apostaram no processo de 7nm.

De facto, algo parece estar a mudar na MediaTek e os novos chipsets Helio G90 e Helio G90T são a melhor prova disso. 

A gama Helio G90 foi desenvolvida através do processo FinFET de 12nm. Consistem em processadores octa-core com uma combinação de núcleos ARM Cortex-A76 e Cortex-A55 que operam até 2,05GHz. Têm ainda uma grande cache L3. Destaca-se também uma gráfica 3EEMC4 ARM Mali-G76 que opera a 800MHz. Tem ainda suporte para uma resolução máxima de ecrã de 2520 x 1080 pixéis. Este chipset suporta até 10 GB de RAM LPDDR4x e armazenamento UFS 2.1.

Os novos chipsets integram a tecnologia HyperEngine da MediaTek, que possui funcionalidades avançadas como a ligação Dual-WiFi, que permite ligação a duas bandas em separado ao mesmo tempo. Garante ainda um mecanismo de resposta rápida para não haver atrasos entre o momento em que se toca no ecrã e a acção.

e G90T

Entretanto destaca-se também o Picture Quality Engine, que suporta HDR10, frame rates mais altas e baixa latência, mantendo um baixo consumo de energia.

Os novos chipsets têm ainda uma gestão inteligente de recursos para garantir o melhor desempenho.

Outro aspeto interessante é um mecanismo que alterna facilmente entre Wi-Fi e LTE para não haver falhas no jogo. Assim, quando se apercebe que uma ligação está a deteriorar-se passa para a outra.

A série Helio G90 suporta câmeras únicas de 64 e 48 megapixéis. Suportam também câmeras duplas de 24MP + 16MP com suporte para o Modo Noturno e pré-visualizações em tempo real. Tem ainda um modem Cat-12 LTE WorldMode com velocidades de download de até 1Gbps, suporte para dual 4G, VoLTE e ViLTE. O modem suporta ainda a tecnologia MIMO 4 × 4. Destaca-se também a compatibilidade com o Bluetooth 5.0.

Como não é de estranhar a inteligência artificial também assume um papel importante. No caso destes chipsets as principais funções são o reconhecimento facial e também as melhorias na câmara. No fundo isto é quase transversal a todos os equipamentos com inteligência artificial.

O Helio G90 e o Helio G90T também são os primeiros chipsets do mundo a suportarem uma ativação dupla. Isto significa que podem ouvir mais do que uma palavra para ativarem os assistentes virtuais.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário