Leitor de impressões digitais do Xiaomi Mi 9 ganha novidade extra!

Xiaomi Mi 9 SE

Os sensores de impressões digitais no ecrã são sem dúvida interessantes e práticos. No entanto, ainda é possível torná-los melhor. Exemplo disso, era se fosse possível aproveitá-los para abrir rapidamente qualquer aplicação ou aceder a uma funcionalidade. Agora isto vai ser possível graças a uma nova atualização que vai chegar aos Xiaomi Mi 9 e Mi 9 SE.

Os leitores de impressões digitais do Xiaomi Mi 9 têm uma novidade extra!

A atualização MIUI que a gigante chinesa vai lançar para os seus dois dispositivos mais modernos permitirá que os utilizadores toquem na área do leitor de impressões digitais para abrir atalhos personalizados.

leitor de impressões digitais

Para utilizar a funcionalidade, o utilizador terá de ficar a pressionar o leitor de impressões digitais. Depois disso, surge um menu com vários atalhos. Ai será necessário escolher a aplicação ou a funcionalidade que pretende utilizar. Para além de abrir aplicações, a nova funcionalidade que aproveita as impressões digitais também vai poder ser utilizada para ativar o assistente de voz Xiao AI ou o Assistente da Google

Para além do Xiaomi Mi 9 e Mi 9 SE, esta funcionalidade estará disponível noutros dispositivos deste fabricante.

No entanto, como deve imaginar, está circunscrita aos equipamentos que vêm com um leitor de impressões digitais no ecrã.

Lembramos que o Xiaomi Mi 9 foi um dos grandes destaques do MWC 2019. A Xiaomi oficializou a nível global este dispositivo e revelou os preços para toda as variantes. Assim a versão com 6GB de memória e 64GB de armazenamento custa 449 Euros. Já a variante de 6GB com 128 custa 499 Euros.

Este dispositivo vem com um chipset Snapdragon 855. Muito rápido e que até foi capaz de bater o S10 Plus, nos testes realizados no AnTuTu.

Ao nível do ecrã levamos para casa um AMOLED Full HD de 6.39 polegadas. Como se esperava o painel é protegido por vidro Gorilla Glass 6. Destaca-se ainda o sensor de impressões digitais no ecrã.

Centrando-nos neste leitor de impressões digitais, conforme o responsável da Xiaomi tinha dito, ele é de facto muito avançado.

Leitor de impressões digitais

Na realidade é uma versão melhorada da aposta da Goodix. Logo à partida temos um funcionamento mais rápido. Para além disso, pode ser utilizado também para atalhos. Aceder de forma mais rápida, por exemplo, à pesquisa.

A grande novidade comparativamente aos topos de gama anteriores é a configuração de câmara tripla.

O princípio é o mesmo que a Huawei seguiu, não no P20 Pro, mas sim no Mate 20 Pro. Assim temos uma configuração que junta uma câmara normal, outra grande angular e uma telefoto.

Leitor de impressões digitais

Este dispositivo aposta num sensor principal de 48 megapixéis com assinatura Sony, o que é sem dúvida muito bom. O objetivo é claro garantir boas fotografias, especialmente à noite. No entanto para ativar este modo terá de ativar o modo Pro. É que caso contrário não vai conseguir utilizar os 48 megapixéis.

Leitor de impressões digitais

Entretanto a câmara secundária é muito semelhante à que estava presente no Mi 8. O grande destaque vai sem dúvida para a terceira câmara com 16 megapixéis. É ultra grande angular e disponibiliza um campo de visão de 117 graus.