iPhone 11 é o smartphone mais popular do mundo!

De acordo com a empresa de estudos de mercado Omdia, o iPhone 11 foi o smartphone mais popular no primeiro trimestre deste ano. Isto apesar do impacto que a pandemia de coronavírus teve na venda dos smartphones. Na prática, nos primeiros três meses do ano, a Apple vendeu cerca de 19,5 milhões de iPhone 11.

iPhone 11 é o smartphone mais popular do mundo!

Com um enorme atraso em relação ao líder, o segundo lugar na classificação da Omdia foi conquistado pelo Samsung Galaxy A51. O volume de envios para distribuição chegou às 6,8 milhões de unidades. Logo a seguir estão os smartphones Xiaomi Redmi Note 8 e Redmi Note 8 Pro, cujas vendas no primeiro trimestre atingiram 6,6 milhões e 6,1 milhões de unidades, respectivamente. O iPhone XR, que foi o smartphone mais vendido no primeiro trimestre do ano passado, atingiu 4,7 milhões de unidades nos três primeiros meses deste ano. Quanto aos outros modelos de iPhone da geração atual, os envios do iPhone 11 Pro totalizaram 3,8 milhões de unidades no trimestre (8º lugar) e 4,2 milhões de unidades para o iPhone 11 Pro Max (6º lugar).

No sétimo lugar, temos o Galaxy A10s com 3,9 milhões de unidades vendidas e o Galaxy A30s no décimo lugar com 3,4 milhões de unidades.

De facto, parece que ninguém consegue ficar indiferente ao iPhone 11. É o caso do responsável da Xiaomi, Lei Jun que parece ser um verdadeiro fanboy da Apple. De facto, toda a empresa parece inspirar-se muito no gigante da maça. Não é de agora que muitos referem que este fabricante foi buscar características aos iPhones para os seus próprios equipamentos, a começar pela interface e pelos emoji. Como se isto não bastasse os fãs da Xiaomi ficaram a ferver com um descuido do CEO que envolve o iPhone 11.

iPhone 11 smartphone

CEO da Xiaomi não conseguiu resistir à mais recente aposta da Apple

Assim, sem medir as consequências o CEO da Xiaomi fez uma publicação na rede social chinesa Weibo através do seu iPhone. Os fãs da marca toparam isto muito rapidamente. No entanto, a Xiaomi tentou defender-se com a máxima rapidez. Alegaram que faz sentido uma marca estar a par das ofertas dos rivais. No entanto, se apenas se trata disto, porque motivo este CEO utiliza um iPhone como o seu dispositivo principal e até tem lá o weibo instalado? É que ainda para mais o iPhone 11, que foi o dispositivo utilizado, já foi lançado há bastante tempo.

Pode ler mais sobre isto aqui.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também