Apple revela que 81% dos iPhones já estão a executar o iOS 13

Uma vez que a Apple é responsável pelo hardware e pelo software do iPhone e iPad, não existe uma grande fragmentação na utilização do seu sistema operativo como acontece com o Android. Se olharmos para a aposta da Google vemos que apenas 8.2% dos smartphones estão a utilizar a última versão do Android 10. Isto quando faltam apenas três meses para o lançamento do Android 11. No caso da Apple vemos que, de facto, os números são bem diferentes como refere os valores de utilização do iOS 13 nos iPhones.

Apple revela que 81% dos iPhones já estão a executar o iOS 13

De acordo com as informações avançadas pela Apple 92% de todos os dispositivos iPhone introduzidos nos últimos quatro anos estão a executar o iOS 13. 7% estão com o iOS 12 e 2% continuam a utilizar o iOS 11 ou anterior. Ao mesmo tempo, 81% de todos os iPhones ativos têm o iOS 13 instalado, enquanto 13% executam o iOS 12 e 6% o iOS 11 ou anterior.

iOS 13 iPhones

No ano passado, a Apple lançou um sistema operativo iPad dedicado chamado iPadOS. Aqui também temos dados interessantes. 93% de todos os tablets Apple lançados nos últimos quatro anos têm o iPadOS instalado. 5% deles têm o iOS 12 e apenas 1% apostam no iOS 11 ou anterior. Entre todas as unidades ativas do iPad, 73% executam o iPadOS, 16% dependem do iOS 12 e 11% têm o iOS 11 ou anterior instalado.

Estes dados foram recolhidos a 17 de junho pela Apple e são baseados nos modelos de iPhone e iPad que entraram na App Store nessa data. É semelhante à forma como a Google calcula os seus números de distribuição Android. A empresa verifica as versões Android que estão a ser utilizadas através das visitas à Google Play Store num dia específico.

Na próxima segunda-feira, a Apple vai transmitir online o WWDC e aí ficaremos a saber muito mais sobre estes dados e não só. De facto, há novidades muito interessantes a caminho.

O leakster Jon Prosser publicou um tweet na quinta-feira que deixa adivinhar uma grande mudança de nome para o iOS. Espera-se que a Apple altere o nome do iOS e passe a chamá-lo iPhoneOS. E isto não será a primeira vez. De 2007 a 2009, a Apple dava este novo ao sistema operativo para dispositivos móveis. No entanto mudou para iOS em 2010.

Entretanto haverão algumas mudanças que vão chegar em breve ao iPhone com o iPhoneOS 14. As possíveis alterações incluem a personalização do ecrã inicial e a adição de widgets ao estilo Android. A atualização também deve adicionar capacidades off-line para o Siri e uma aplicação de tradução nativa. Também já ouvimos falar de um modo Picture-in-Picture para vídeos e da capacidade de apagar uma mensagem enviada.

Também vamos ficar a saber mais sobre o watchOS 7. Uma das grandes novidades será uma app de acompanhamento de sono. Para além disso teremos a possibilidade de criar o nosso próprio mostrador e até partilhá-lo com outros proprietários do Apple Watch. Já com o Modo Kids, os pais podem emparelhar um segundo Apple Watch com o iPhone, dando um maior controlo sobre o dispositivo dos filhos.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

1 COMENTÁRIO

Leia também