Será que a Intel e o seu processo de 10nm estão assim tão atrasados?

A Intel tem passado várias dificuldades devido aos constantes adiamentos dos seus processadores de 10nm. Em paralelo, também vários analistas/especialistas têm comentado que a Intel está agora atrás da TSMC / GlobalFoundries e Samsung, que estão prestes a lançar o seu processo de 7nm! Tudo isto, enquanto a Intel só chegará aos 10nm em 2019.

No entanto, será que isto é assim tão ‘preto-no-branco’? Será que o nome do processo de fabrico conta toda a história?

As acções da Intel têm sofrido um pouco devido a toda a especulação à volta deste assunto! Tudo baseado no facto de que a Intel vai apenas lançar os primeiros processadores de 10nm na segunda metade de 2019, enquanto a AMD já estará nos 7nm nessa altura.

Intel 10nm

Em suma, o erro que os média e todos os especialistas estão a cometer, é a comparação dos processos apenas pela sua nomenclatura! Dizer que o processo de fabrico de 7nm da TSMC é mais avançado que os 10nm da gigante azul… Não corresponde totalmente à realidade!

Afinal de contas, as empresas podem dar o nome que quiserem ao seu processo de fabrico! Não existe qualquer tipo de standardização, de modo a que perceba o que está por detrás do nome, ou que possa comparar ‘X’ com ‘Y’.

A melhor comparação destes processos, é pelo tamanho dos transistores, ou seja, o crescimento da densidade de processo para processo!

Dito isto, o processo de 10nm da Intel é mais denso que outros processos com a mesma nomenclatura! Contudo, a única maneira de ter a certeza disto, é ter chip na mão… Mas podemos usar algumas estimativas que foram publicadas pelas próprias empresas!  Até porque em alguns casos, o processo de 10nm da Intel consegue ser superior ao processo de 7nm da TSMC, GlobalFoundries e Samsung!

Em suma, só porque o processo da Intel tem o nome de ’10nm’… Enquanto outros têm o nome de ‘7nm’, não quer dizer que a empresa esteja a perder a corrida!

Fonte