Honor 8X confirmado para combater o Xiaomi Mi Max 3


Por em

Na semana passada, um telefone desconhecido da Honor com o número de modelo ARE-AL00 foi visto na TENAA. Havia rumores de que o telefone seria o Honor 8X, um sucessor do Honor 7X do ano passado.

Apesar de tudo apontar para este facto ninguém quis fazer previsões uma vez que o Honor 7X foi lançado em dezembro, o que significa que o seu sucessor iria chegar muito antes. Para além disso, o Honor ARE-AL00 traz um enorme ecrã de 7,12 polegadas, o que seria uma grande atualização para o ecrã de 5,93” do Honor 7X.

No entanto parece que os que suposeram que o Honor ARE-AL00 era o Honor 8X estavam corretos, já que a própria Honor lançou um teaser oficial para o Honor 8X, menos de uma semana desde o anúncio na TENAA.

De acordo com a listagem da TENAA, o Honor 8X terá um ecrã de 7,12 polegadas com uma resolução de 2244 x 1080 pixeis e uma monocelha em forma de gota de água.

Terá um processador octa-core que opera a 1.8GHz. Surpreendentemente, ele não vem com um processador Kirin 710, mas com um Snapdragon 636.

Esta combinação de um ecrã grande e um processador Snapdragon 636 significa que a Honor está a direcionar o 8X como um concorrente direto para o Mi Max 3 da Xiaomi, que tem um ecrã ligeiramente menor de 6,9 polegadas, mas o mesmo processador.

O resto das especificações do Honor 8X incluem 4GB ou 6GB de RAM e 64GB ou 128GB de armazenamento, câmeras traseiras duplas de 16MP + 2MP, câmaras frontais duplas de 24MP + 2MP, um leitor de impressões digitais montado na traseira e uma bateria de 4900mAh.

O tamanho da bateria é um pouco menor que a do Mi Max 3, o que significa que o Mi Max 3 deve ter a vantagem em termos de duração da bateria.

Leia também

Ou veja mais notícias de Android

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Etiquetas
Anterior

Telemóveis com ecrã ‘Infinito’ dos nossos sonhos chegam em 2019!

Versão com 8GB do Xiaomi Pocophone F1 surge no Geekbench

Seguinte