Ex-empregado da Apple fugiu depois de roubar informação confidencial!

Ainda se lembra do ‘Apple Car’? Há cerca de dois anos, toda a imprensa começou a falar de um suposto carro autónomo feito pela empresa da maçã. Na altura a Testa já estava nas bocas de todo o mundo, por isso a notícia teve um impacto considerável. Aliás, alguns rumores até apontavam para um início de produção no ano de 2020.

No entanto, o que vos trazemos hoje não tem nada a ver com isso! Pois um ex-empregado da Apple foi apanhado a roubar vários segredos acerca do projeto ‘Apple Car’, usando o seu iPhone e MacBook.

‘Xiaolang Zhang’, antigo engenheiro da Apple, foi preso por agentes federais no passado sábado, no aeroporto Mineta San Jose. Aparentemente, o engenheiro estava a tentar fugir do país, depois de obter informação confidencial da empresa.

O engenheiro foi contratado em 2015, para trabalhar neste mesmo projeto como engenheiro de hardware. Mas claro que devido à estrita política de segurança da Apple, era um dos únicos no mundo a ter acesso a informação privilegiada bastante valiosa.

Apple Car

Em Abril, Zhang tirou uma licença de paternidade, informando o seu supervisor que iria regressar à China para tomar conta da sua mãe. Contudo, aí iria trabalhar na ‘Xiaopeng Motors’, uma empresa Chinesa que também se foca em veículos autónomos… Ou seja, uma rival da Apple.

Aqui é que as coisas ficam interessantes! Depois do engenheiro se ausentar da Apple, o seu supervisor falou imediatamente com os oficiais de segurança da empresa. Que prontamente investigaram o iPhone e MacBook do empregado, encontrado várias pesquisas às bases de dados confidenciais, bem como vários downloads nos últimos 2 meses.

Depois de ser apanhado, ‘Zhang’ admitiu ter passado várias informações do seu iPhone para o portátil da sua mulher. Uma investigação a este aparelho, confirmou a presença de vários ficheiros confidenciais. Em paralelo, as câmaras de vigilância mostram a sua presença no campus da empresa no dia 28 de Abril, data que em que se encontrava dentro da licença de paternidade.

E talvez pior que isto, ‘Zhang’ levou algumas placas de circuitos bem como um servidor Linux dos laboratórios do projeto.

Finalmente, detalhes técnicos do processo, sugerem que a Apple está a desenvolver uma tecnologia denominada de ‘Sensor Fusion’! Que irá permitir criar um sistema preciso de localização combinando dados de diferentes sensores.

Este ex-empregado poderá vir a cumprir 10 anos de prisão, bem como condenado ao pagamento de 250.000$ em multas.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário