smartphones

Porquê é que os smartphones Chineses são mais baratos? – Primeiramente, temos de dizer que os telemóveis na China não são baratos, especialmente quando falamos de marcas como a Samsung ou Apple. No entanto, os smartphones ‘made in China’ são realmente amigos da carteira! Mas porquê?

Os Smartphones Chineses são mais baratos por uma série de razões, onde podemos incluir a cadeia de distribuição, mão de obra flexível e escalabilidade da economia



smartphones

Antes de mais começar a discutir o assunto, temos também de falar da competitividade dentro do mercado Chinês. Em que felizmente para o consumidor, os produtos chegam ao mercado a um preço muito similar ao de custo.

Porquê? Porque o consumidor ‘normal’ Chinês, dá uma grande importância ao preço/desempenho. Por isso, vão comparar até à exaustão, para ter o melhor negócio possível. Isto não acontece apenas nos smartphones, mas em tudo o que é negócio neste país. Em suma, se os preços de uma fabricante são considerados maus… RIP!

Em paralelo, as marcas Chinesas ainda não conseguem ter o estatuto de Luxo como um iPhone. (Talvez à exceção da Huawei) Por isso, não conseguem apostar nos preços, e por consequência, aumentar as margens de lucro.

Quando falamos em escalabilidade, estamos a dizer que a China é tem toda a capacidade de fabricação dentro das suas próprias fronteiras. Portanto, as peças são abundantes, não só para a comercialização, como também para o desenvolvimento e prototipagem.

Os trabalhadores Chineses já não são tão baratos como antigamente… Mas são super produtivos e estão dispostos a ter horários flexíveis! Além disto, como dissemos em cima, o preço é um dos pontos mais importantes. Por isso, todos os lançamentos são focados no consumo em massa. Assim, se por acaso qualquer produto for um falhanço, o preço vai baixar ainda mais. Ou seja, os consumidores até com os erros ganham, visto que as fabricantes querem despachar o inventário o mais rapidamente possível.

Em último lugar, o governo Chinês é um grande apoiante da indústria local! Por isso, ajuda no financiamento, nos impostos e nas taxas de exportação. Em alguns casos, até ajuda na disponibilização de terrenos ou espaços já montados para a produção dos equipamentos.

A Xiaomi é um excelente exemplo desta estratégia de preços!

Sabia que a Xiaomi já veio a público dizer várias vezes que limita as margens de lucro na venda dos seus smartphones e ademais aparelhos eletrónicos a 5%?

Se por acaso tem algum tipo de pensamento crítico, deve ter comentado com os seus próprios botões… “Não é assim que o mundo empresarial funciona!”  Pois bem, é provável que tenha passado ao lado de uma excelente carreira financeira, porque tem razão!

Então qual é a razão para esta limitação da Xiaomi? É simples… Fazer mais dinheiro!

Leia o resto do artigo aqui.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.