(Especial) Quer saber qual é o efeito do mining numa placa gráfica?

Como deve saber, com o valor da moeda virtual Bitcoin a subir de forma completamente escandalosa, e claro, com todas as altcoins a seguir a deixa, o mundo do mining voltou em força! Afinal de contas, a coisa subiu tanto de valor, que temos simples gamers a aproveitar os seus PCs poderosos para ganhar alguns trocos enquanto não estão a jogar.

Mas faz ideia do desgaste que esta prática representa para a placa gráfica (e restantes componentes) do seu computador?



(Especial) Quer saber qual é o efeito do mining numa placa gráfica?

efeito mining placa

Portanto, é muito provável que após a loucura de 2016/2017, tenha sido avisado para não comprar placas gráficas em segunda mão, devido à probabilidade de terem sido usadas 24 horas por dia, em rigs de mining, sem qualquer tipo de descanso ou cuidado.

Mas sabe qual é ao certo, o impacto que o mining tem no hardware? 

Pois bem, temos um exemplo de uma RTX 2080 Ti que tem estado a minar há 18 meses sem parar! Ora veja:

Muito resumidamente, a placa gráfica não é capaz de chegar aos mesmos resultados de antigamente, depois de 18 meses de mining intenso. Porquê? É muito simples, a RTX 2080 Ti é agora uma placa muito mais quente (15~20ºC acima do normal), e por isso, incapaz de aguentar as mesmas frequências do passado.

Contudo, isto também não significa que deve evitar este tipo de placas como se fosse a peste negraOu pior, um ponto de infecção para o COVID-19. A placa pode ser alvo de alguma manutenção, ao ser limpa, ao renovar a pasta térmica, e ao mudar os thermal pads. Tudo depende do preço de revenda do hardware… Podem existir algumas gemas à espera de serem descobertas.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também